Semana On

Domingo 03.jul.2022

Ano X - Nº 494

Mato Grosso do Sul

Pela terceira vez, Eduardo Riedel figura entre as 100 personalidades do agronegócio

Secretário de Governo e Gestão Estratégica de MS é o único sul-mato-grossense na categoria Governo, ao lado de Guilherme Costa, Roberto Azevedo, Roberto Jaguaribe e Blairo Maggi

Postado em 17 de Novembro de 2017 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Pela 3ª vez Eduardo Riedel foi eleito uma das 100 personalidades mais influentes do agronegócio brasileiro. A indicação é da revista Dinheiro Rural, em sua edição especial do mês de novembro. Anualmente a publicação destaca lideranças que contribuem para o desenvolvimento do setor rural no Brasil.

O secretário de Governo e Gestão Estratégica de Mato Grosso do Sul é o único sul-mato-grossense na categoria “Governo”, ao lado de Guilherme Costa, Roberto Azevedo, Roberto Jaguaribe e Blairo Maggi. Dentre as ações que influenciaram na indicação, destaca-se seu trabalho para a desburocratização do agronegócio em Mato Grosso do Sul, por meio da adesão do estado ao Programa “Agro Mais” do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) - projeto conduzido pelo secretário Jaime Verruck, à frente da Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro).

“Esse resultado só foi possível graças ao trabalho da equipe do governo, alinhada com as diretrizes do governador Reinaldo Azambuja, que possui objetivos muito claros e foco em resultados. É um reconhecimento, que projeta o nome do nosso estado nacionalmente, cujo mérito precisa ser compartilhado com todos que trabalham na solução de questões complexas para o setor”, enfatiza Riedel.

Além de Riedel, outros quatro profissionais sul-mato-grossenses aparecem no ranking: Ruy Fachini/ Sindicato Rural de Campo Grande (categoria iniciativa sustentável), Rubens Catenacci/ Fazenda 3R e Adriane Zart/ MNP  (categoria proteína animal). Em 2015, o secretário de Governo e Gestão Estratégica também figurou na listagem na categoria Governo por sua atuação frente aos conflitos fundiários e, em 2014, época em que presidiu a Federação da Agricultura e Pecuária de MS (Famasul), na categoria “Entidades do Agronegócio".


Voltar


Comente sobre essa publicação...