Semana On

Sexta-Feira 12.ago.2022

Ano X - Nº 499

Coluna

Trapalhões em Hollywood

O cinema nacional na onda dos reboot’s americanos.

Postado em 20 de Janeiro de 2017 - Danilo Custódio

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Em 1981 estreava nos cinemas um dos maiores clássicos da comédia nacional: Os Saltimbancos Trapalhões. O filme vendeu mais de 5,2 milhões de ingressos e até hoje ocupa a nona posição no ranking de maiores bilheterias da Agência Nacional de Cinema. Protagonizado por Didi, Dedé, Mussum e Zacarias, o longa é considerado o maior fenômeno do cinema brasileiro destinado a crianças de todas as idades.

Depois da música original composta por Chico Buarque (uma pirueta, duas piruetas, bravo, bravo!) e um espetáculo de teatro musical estrelado pelos próprios Didi Mocotó e Dedé Santana, Os Saltimbancos Trapalhões ganham nova versão para o cinema, que estreia essa semana nas telonas tupiniquins desse Brazil nada divertido de Michel Temer.

A produção foi cuidadosamente bem acabada e promete agradar pais e filhos, mães e filhas, tios e sobrinhas, vós e vôs e todos aqueles que estiverem dispostos a olhar aquele circo com a inocência de uma criança. Sem deixar o compromisso com o discurso de lado, Os Saltinbancos Trapalhões: Rumo a Hollywood promete ser uma experiência divertida. Bora se programar pra ver?

 

Mostra Tiradentes

De 20 à 28 de janeiro acontece o maior evento do cinema independente nacional. A 20ª Mostra de Cinema de Tiradentes traz uma vasta programação, exibindo 108 filmes gratuitamente ao longo de nove dias de evento. Pai aos 15, filme escrito e dirigido por mim, está entre eles e será exibido no dia 28, às 15hs, no Cine Tenda. Outros três filmes paranaenses fazem parte da programação em Tiradentes, que a vinte anos se dedica a fomentar o que há de novo no cenário da produção cinematográfica brasileira. Eu já tomei a vacina contra a febre amarela e estarei por lá. Partiu?

 

Olhar de Cinema

O Festival Internacional de Curitiba, inteiramente dedicado ao olhar da sétima arte, já se tornou um dos mais importantes festivais de cinema do país e chega esse ano a sua 6ª edição, que acontecerá entre 7 e 15 de junho de 2017. Já são mais de 300 filmes exibidos, além de dezenas de atividades dividas entre mesas de debate, palestras, estudos de caso, painéis e oficinas. O Olhar destacou e discutiu o cinema nacional de uma forma impressionante, além de proporcionar as mais de 60 mil pessoas que passaram pelo evento (em todas as suas edições) um contato direto com filmes e realizadores do cinema independente de mais de 50 países. Filmes marginais, filmes de borda e filmes de baixo apelo comercial, desde que comprometidos com a pesquisa de linguagem, tem seu espaço garantido aqui. E as inscrições já estão abertas e poderão ser feitas até 13 de março. Ficou interessado? Acesse e saiba mais.


Voltar


Comente sobre essa publicação...