Semana On

Segunda-Feira 08.ago.2022

Ano X - Nº 499

Mato Grosso do Sul

Riedel: ‘Vou lutar por uma Reforma Tributária nacional’

Pré-candidato ao Governo do Estado, ele apontou o caos fiscal no país como um fator de redução de investimentos e empregos

Postado em 05 de Julho de 2022 - Redação Semana On

Foto: Assessoria de Imprensa do Governo de MS

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Entre os muitos temas que despertam a preocupação do pré-candidato ao Governo do Estado pelo PSDB, Eduardo Riedel, e que serão alvos de sua atenção nos próximos anos, é a necessidade de uma reforma tributária nacional que alivie o empresariado e possibilite mais segurança nos investimentos. Para ele, “é muito fácil prometer redução de impostos”, quando, na verdade, a questão é nacional.

“Eu vou brigar muito por uma reforma tributária nacional. O país está se arrastando neste tema há décadas. Vivemos uma selva tributária, uma carga alta em todo o país, onde cada estado faz sua regulamentação específica, criando diferentes barreiras e um sistema difícil e complexo para as empresas. Isso é uma âncora que segura o desenvolvimento das empresas”, explicou.

Para Riedel, quando mais enxuto e eficiente for o Estado, maior a tendência de buscar uma redução tributária para ter mais competitividade. “Mas, temos que simplificar a legislação brasileira como um todo. Não podemos mais conviver com este ambiente inóspito e inaceitável para o setor produtivo brasileiro”.

O pré-candidato afirmou que é preciso enxugar a burocracia fiscal que manieta o desenvolvimento e inibe o empresariado. “Excesso de impostos gera redução nos investimentos e, em consequência, diminui a oferta de empregos. Vamos estar atentoa a isso”, assegurou.


Voltar


Comente sobre essa publicação...