Semana On

Quinta-Feira 30.jun.2022

Ano X - Nº 493

Mato Grosso do Sul

Obra da MS-162 que vai ligar Maracaju à Dourados avança para receber capa de asfalto

Com investimento de R$ 53 milhões, Governo do Estado vai restaurar a MS-157, entre Maracaju e Itaporã

Postado em 21 de Junho de 2022 - Redação Semana On

Foto: Assessoria de Imprensa do Governo de MS

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Obra de R$ 98 milhões que vai ligar Maracaju a Dourados segue em pleno vapor. Na primeira etapa, que começa no entroncamento da BR-267 com a MS-162, já foram feitos os primeiros quilômetros de terraplanagem e iniciou a implantação da base e imprimação para que em breve comece a aplicação da capa de asfalto.

A primeira etapa terá 30,8 km de pavimentação, em um investimento de R$ 48,5 milhões do Governo do Estado. Esta fase está mais adiantada e no seu percurso tem a instalação da ponte de concreto sobre o Córrego Sete Voltas. Os trabalhos estão avançando nestes próximos dias.

Segundo a Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos), a segunda etapa da obra na MS-162, que segue até MS-270 (Placa do Abadio), próximo aos municípios de Dourados e Itaporã, os trabalhos já começaram e estão na fase de terraplanagem. Lá são mais 24,92 km de asfalto, no valor de R$ 50 milhões.

Somando os dois lotes se chega a 55,7 km, com investimento de R$ 98 milhões. “Dividimos essa obra em dois trechos. Um deles liga a BR-267 até a ponte do rio Santa Maria. E o outro trecho liga a região da Placa do Abadio, em Dourados. São investimentos importantes para região”, afirmou o governador Reinaldo Azambuja.  

A pavimentação vai ligar dois polos econômicos importantes do Estado, reduzindo tempo de viagem de Maracaju a Dourados, além de contribuir com o escoamento da produção, facilitando o transporte de grãos.

Outro ponto é proporcionar um tráfego mais seguro aos motoristas, com redução de acidentes e diminuição de despesas e gastos com manutenção e estragos de caminhões. Este trecho pavimentado também ajuda o transporte escolar da região, que atende a zona rural.

“Governo tem realizado uma parceria fantástica com Maracaju, com muitas obras e investimentos que acabam favorecendo a população. O governador sempre está nos ajudando permitindo que a gente realize grandes coisas na cidade, por somos muito gratos a esta gestão”, afirmou o prefeito José Marcos Calderan.

Governo do Estado vai restaurar a MS-157, entre Maracaju e Itaporã

Com foco no desenvolvimento econômico da região, o Governo do Estado vai restaurar 42,32 km da rodovia MS-157, entre as cidades de Maracaju e Itaporã. Os trabalhos vão iniciar no trecho urbano do distrito de Carumbé, em um investimento de R$ 53,1 milhões.

O contrato para realização da obra foi publicado no último dia 20, no Diário Oficial do Estado. A empresa escolhida para realizar os trabalhos terá o prazo de 360 dias (1 ano) para concluir as atividades no local, assim que for expedida a ordem de início dos serviços. Os recursos são provenientes do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário do Estado de MS).

A obra de restauração, adequação da capacidade do tráfego e drenagem da rodovia faz parte do “lote 1”, em mais um investimento da gestão estadual para recuperar a malha rodoviária do Estado. Objetivo é contribuir com o escoamento da produção e conceder mais segurança aos motoristas que trafegam pelo local.

“Se trata de uma obra muito importante para região, pois MS-157 é muito utilizado pelas pessoas que vem de Campo Grande rumo a Dourados, assim como quem trafega por estes municípios. A restauração da rodovia chega em boa hora e vai trazer grandes benefícios, assim como ocorreu de Maracaju a Sidrolândia”, descreveu o prefeito de Maracaju, José Marcos Calderan.

Investimentos

Os investimentos na malha rodoviária da região seguem em diferentes frentes, como a pavimentação da MS-162, que vai ligar Maracaju a Dourados, em um total de 55,7 km, no valor de R$ 98 milhões, que será mais uma alternativa para quem trafega entre os municípios. Lá são dois lotes que já estão com as obras em andamento.

Outra frente é a restauração da MS-162, de Maracaju a Sidrolândia, que tem o investimento de R$ 59 milhões, em um trecho de 85 km, dividido em duas etapas. Os trabalhos estão na fase final. A obra vai melhorar o transporte de grãos e produtos entre as cidades.

Ainda tem a pavimentação da MS-166, em um trecho de 37,53 km, no entroncamento com a MS-460 e BR-267, no Posto Polaco, com investimento de R$ 49 milhões. “Presenciei a transformação e desenvolvimento do município (Maracaju), que hoje é um dos maiores produtores do País. Fizemos uma série de investimentos para contribuir com toda região”, afirmou o governador Reinaldo Azambuja.


Voltar


Comente sobre essa publicação...