Semana On

Quinta-Feira 30.jun.2022

Ano X - Nº 493

Campo Grande

Transtorno em trecho da Três Barras está perto do fim com apoio do Governo do Estado

O trecho recebe aproximadamente 30 mil veículos por dia

Postado em 14 de Junho de 2022 - Redação Semana On

Foto: Assessoria de Imprensa do Governo de MS

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O transtorno diário que alguns motoristas de Campo Grande passam por ter que transitar pela rotatória da Avenida Três Barras, no entroncamento com a Avenida José Nogueira Vieira e Rua Marquês de Lavradio, na região do bairro Tiradentes, está cada dia mais perto do fim.

O trecho recebe aproximadamente 30 mil veículos por dia e, para executar a obra e resolver o problema de congestionamento, a prefeitura de Campo Grande recebeu apoio financeiro de R$ 994.778,01 do Governo do Estado, por meio do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul).

A proposta é fazer o reordenamento do trânsito, retirando a rotatória existente no local, construir canteiros para a instalação de dois conjuntos semafóricos, com 20 porta-focos, tendo assim, neste trecho, duas pistas de rolamento na Avenida Três Barras. O projeto ainda prevê mão única em uma quadra das ruas Domingos Jorge Velho e Miguel Sutil e a pavimentação de um trecho de 200 metros da Rua Manoel da Nóbrega e mais 70 metros da Miguel Sutil.

O projeto que foi lançado em agosto de 2021 está sendo conduzido pela prefeitura de Campo Grande e está em fase de licitação. A licitação foi aberta em maio e, até o dia 4 de julho, as empresas interessadas devem enviar suas propostas.

A obra vai beneficiar, principalmente, os moradores dos bairros ao redor como Vilas Boas, Rita Vieira e Tiradentes. “Quem conhece a região sabe o quão problemático o trânsito pode ser naquele ponto, principalmente em horário de pico. Nossa cidade cresceu exponencialmente e o trânsito e ordenamento viário precisa crescer junto, ficamos muito felizes em fazer parte dessa obra”, completou o diretor-adjunto do Detran, Valter Bortoletto.


Voltar


Comente sobre essa publicação...