Semana On

Quinta-Feira 30.jun.2022

Ano X - Nº 493

Campo Grande

Reinaldo Azambuja e Adriane Lopes fecham acordo para nova Feira Central e duplicação da Avenida dos Cafezais

Eles também deram continuidade às tratativas para a construção do segundo acesso às Moreninhas

Postado em 25 de Maio de 2022 - Redação Semana On

Foto: Assessoria de Imprensa do Governo de MS

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Dentro da proposta municipalista da gestão estadual, o governador Reinaldo Azambuja pactuou com a prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes, a realização em conjunto de novas obras, entre elas a construção de uma nova Feira Central e a duplicação e o recapeamento de parte da Avenida dos Cafezais. Eles também deram continuidade às tratativas para a construção do segundo acesso às Moreninhas.

“Tivemos uma reunião com a Adriane e parte da equipe dela. Ela colocou como prioridade a gente manter algumas coisas que definimos com a administração anterior. Uma delas é o acesso às Moreninhas. Agora, a prefeitura está providenciando a desapropriação e o Estado vai licitar”, explicou o governador. “É uma obra muito importante para quem mora lá, para Campo Grande e para o Estado também”, acrescentou.

Reinaldo Azambuja afirmou ainda que uma nova Feira Central será erguida no local onde funciona o estacionamento. A obra receberá recursos da bancada federal, Governo do Estado e prefeitura. “Vamos fazer uma nova construção da Feira, modelando, organizando melhor, reestruturando. É um anseio de todas as pessoas da Associação da Feira Central. A bancada federal colocou R$ 15 milhões e nós vamos colocar o restante para edificar uma obra que vai dar uma estrutura melhor”.

Outra obra prioritária é o recapeamento e a duplicação de parte da Avenida dos Cafezais. O objetivo é melhorar o tráfego, já que há congestionamento durante o horário de pico. Outro assunto abordado foi a continuidade da parceria para a construção da piscina Olímpica, no Complexo Aquático do Parque Ayrton Senna.

Reinaldo Azambuja reafirmou o compromisso com a Capital. “Quando Campo Grande precisou, em 2016, do recurso para tapar buraco, o Governo do Estado esteve presente ajudando com convênio, coisa que não fez com nenhum outro município. Então, essa parceria existe. Teve muitas coisas que pactuamos com o ex-prefeito e agora a prefeita assumiu e veio com as prioridades dela. Nós pactuamos uma parceria. Quem ganha com isso? A população”, declarou.

Já Adriane Lopes destacou que governo e prefeitura têm um objetivo em comum: atender as pessoas. “Vamos dar continuidade às parcerias com o Governo do Estado porque sabemos que o objetivo do governador é também o nosso: trabalhar por Campo Grande e pelas pessoas da nossa cidade. Essa harmonia é fundamental para que a gente possa conquistar novas obras e oportunidades para a Capital”, finalizou.

Também participaram da reunião o secretário de Estado de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Rocha; os secretário-adjuntos Flávio Cesar (Segov) e Eder Lima (Casa Civil), o Tuta; e os secretários municipais Rudi Fioresi (Obras) e Max Freitas (Cultura e Turismo).


Voltar


Comente sobre essa publicação...