Semana On

Quinta-Feira 30.jun.2022

Ano X - Nº 493

Legislativo

Manutenção dos agentes patrimoniais nas escolas e em prédios públicos estaduais garantem proteção à população

Audiência pública sobre a precarização com a terceirização do serviço de agente patrimonial do Estado reuniu servidores nesta tarde na Assembleia Legislativa de MS

Postado em 18 de Maio de 2022 - Redação Semana On

Foto: Assessoria de Imprensa da ALEMS

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Garantir o convívio seguro nas escolas e repartições públicas através de equipamentos de segurança e profissionais concursados e preparados, que conhecem o dia a dia do local, são pontos indiscutíveis, segundo o deputado estadual, presidente da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa de MS, Pedro Kemp (PT-MS). Durante audiência pública sobre a precarização com a terceirização do serviço de agente patrimonial, a categoria reuniu servidores de várias cidades do Estado.

“Câmeras não substituem a presença do agente de segurança patrimonial que conhece os alunos, os funcionários, sabe quem oferece risco. A tecnologia não exclui a presença do servidor, que tem que ser mantido. A categoria reivindica concurso público, não à terceirização e a manutenção do (a) agente patrimonial”, diz Kemp.

Os representantes expuseram o problema, que além de deixar mais caro para os cofres públicos, não pode ser tratado como despesa já que exige conhecimento sobre segurança pública e vínculo com a comunidade.

A audiência pública serve para que essa caixa de ressonância que é a Assembleia Legislativa possa ouvir o clamor dos agentes patrimoniais, e foi nitidamente demonstrado que esse processo de terceirização está sendo feito sem qualquer estudo ou planejamento, criando mais gastos para o Estado, e ainda vai continuar descobertas 139 Escolas Estaduais que ficarão sem segurança patrimonial, seja a própria ou terceirizada, ou seja, vão chover no molhado, vão gastar dinheiro a toa", disse o presidente da ADAPP/MS (Associação em Defesa dos Servidores da Carreira de Segurança Patrimonial), Marcio Almeida.


Voltar


Comente sobre essa publicação...