Semana On

Quarta-Feira 18.mai.2022

Ano X - Nº 487

Mato Grosso do Sul

Estado investiu mais de R$ 2 bilhões na Saúde em 2021

Prestação de contas foi apresentada à Assembleia

Postado em 30 de Março de 2022 - Redação Semana On

Foto: Assessoria de Imprensa da ALEMS

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES), investiu mais de R$ 2 milhões na Saúde no ano de 2021, o maior desembolso financeiro é de recursos estaduais. O Relatório Anual de Gestão (RAG) 2021 da SES, mostra que o Estado investiu R$ 2.003.157.494,31, sendo 88,25% de Recursos Estaduais. Os dados foram apresentados no último dia 29, durante a prestação de contas na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul.

Para o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, a maior parte dos recursos investidos foram aplicados na execução de obras, investimento para fortalecer a rede própria de saúde e apoio aos municípios, além de investimentos nas ações voltadas à Atenção Primeira de Saúde (APS).

“Quando a gente fortalece a Atenção Primária de Saúde conseguimos reduzir importantes indicadores, como por exemplo, a redução de internações por causas sensíveis. Com o desenvolvimento de ações positivas como esta, conseguimos evitar e reduzir a entrada de indivíduos no sistema da rede hospitalar. Por isso, fortalecemos programas específicos da Saúde, como o Bem Nascer, Planifica MS e o Guia Orientador. E lançamos projetos importantes como o Opera MS e Examina MS. Além de acompanharmos de perto as equipes municipais proporcionando a eles, as capacitações via webs, promovendo espaços de discussão de políticas e de fortalecimento às ações que são demandas pela sociedade”, destaca o secretário.

Segundo a secretária-adjunta de Saúde, Crhistinne Maymone, 2021 foi desafiador para Mato Grosso do Sul. “Foi o ano em que nós tivemos o recrudescimento da pandemia da Covid-19 e o aumento de casos da Influenza em Mato Grosso do Sul. Mesmo o Estado focado nas ações de controle da pandemia, não deixou de oferecer e continuar investindo nos serviços de saúde. Destacamos os esforços de todas as áreas técnicas do setor da Saúde que desenvolveram com maestria ações que contribuíram para que o Estado apresentasse este desempenho satisfatório em 2021. Os dados só comprovaram o comprometimento que estes servidores tiveram em no momento em que a Saúde mais precisou ajuda”.

A coordenadora de Planejamento e de Informação em Saúde (CPIS) da SES, Vanessa Rosa Prado, destaca que todos os esforços foram direcionados para a ampliação ao acesso aos serviços e à organização das redes de saúde. “Ao lançarmos os programas como o Bem Nascer e os projetos Opera MS e Examina MS, significa que nós estamos respondendo às demandas da Saúde, mostrando por meio destes resultados que estamos com um olhar mais atento às questões apresentadas pela população. Isto muito importante, principalmente, quando oferecemos serviços que visam à promoção e à prevenção à Saúde com um único objetivo de atender toda a população sul-mato-grossense com qualidade. Foi um ano difícil, de uma pandemia secular e por isso, agradeço a todos os servidores da saúde, principalmente dos municípios, que fizeram a diferença e nos permitiram atuar em diversas frentes de serviço”

O vice-presidente da Comissão Permanente de Saúde da ALEMS, deputado estadual Felipe Orro, disse que os dados apresentados à Comissão de Saúde da Alems foram importantes e informa onde o Estado tem investido na área da Saúde. “Recebemos as autoridades da Saúde estadual, na pessoa da Secretária-Adjunta da SES, Crhistinne Maymone, que nos mostrou as aplicações dos recursos da Saúde em nosso Estado, além de nos entregar o relatório que será fiscalizado por esta Comissão e por toda a Assembleia Legislativa. A fiscalização dos recursos da Saúde é importante porque nós representamos à sociedade que nos envia muitas demandas e com isso queremos respondê-las quanto a aplicação destes recursos. Tivemos um momento de pandemia, mas que exige muito cuidado e nós temos que reinventar a saúde para que ela possa atender a todos aqueles que mais precisam dela em nosso Estado”.

Investimentos em Obras

“A obra do Hospital de Três Lagoas está finalizada e a de Dourados também segue evoluindo de forma satisfatória. Além disto, nós também estamos investimos na compra de equipamentos, mantivemos o compromisso da transferência de recursos para os municípios para a combate à pandemia. Assim, conseguimos fortalecer toda a rede de saúde e garantir que todos cidadãos tenham o acesso aos serviços de saúde”, destaca Vanessa.

Além destas ações, a SES trabalha com ações voltadas no Projeto Integra SUS tendo como proposta o Planejamento do SUS e o Planejamento Regional Integrado. Além, de da continuidade aos projetos como o Planifica SUS e o Guia Orientador – que vem de encontro com o fortalecimento da vigilância e da Atenção Primária em Saúde e que são metas do Plano Estadual de Saúde de Mato Grosso do Sul.


Voltar


Comente sobre essa publicação...