Semana On

Domingo 23.jan.2022

Ano X - Nº 475

Mato Grosso do Sul

Ampliação e novos equipamentos qualificam atendimento no Hospital Regional de Ponta Porã

Unidade atende pacientes da macrorregião composta pelos municípios de Amambai, Antônio João, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Paranhos, Sete Quedas e Tacuru

Postado em 15 de Dezembro de 2021 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O Hospital Regional “Dr. José de Simone Netto”, de Ponta Porã, que atende pacientes da macrorregião composta pelos municípios de Amambai, Antônio João, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Paranhos, Sete Quedas e Tacuru, vem passando por diversas melhorias, visando qualificação do atendimento prestado aos usuários do SUS (Sistema Único de Saúde).

Tendo em vista a importância estratégica da unidade hospitalar, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES), custeia a gestão por meio do Instituto Acqua, além de repassar recursos para a aquisição de equipamentos, qualificação de colaboradores e ampliação. Exemplo disto ocorreu no último dia 11, quando o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, esteve na unidade assinando convênios e entregando novos aparelhos.

Na solenidade, na qual se comemoraram os mil dias do hospital sob a gestão do Instituto Acqua, o secretário Geraldo Resende fez a entrega de um arco cirúrgico, lançou obras de ampliação com previsão de construção de uma nova ala para 30 novos leitos de enfermaria; e repasse de R$ 1.540.261,00 para a aquisição de um novo aparelho de tomografia.

A nova ala do Hospital Regional de Ponta Porã vai demandar um investimento de R$ 2.398.812,78 e consistirá na construção de mais 534,75 metros quadrados, com sete enfermarias para quatro leitos cada uma, enfermaria de isolamento, posto de enfermagem, sala de exames, depósito de materiais de limpeza e rouparia, copa para funcionários, sala de TI (Tecnologia da Informação), sala de utilidades, além de banheiros.

Equipamentos

Em outubro deste ano, o Hospital Regional Dr. José de Simone Netto recebeu um novo aparelho para realização de exames de endoscopia e colonoscopia. A aquisição e entrega foram realizadas pelo Governo do Estado. Equipes receberam capacitação para trabalhar com o novo equipamento e, desta forma, a capacidade de atendimento e rapidez no diagnóstico clínico foram ampliadas. A unidade é referência estadual para o procedimento de abordagem endoscópica dos canais pancreáticos e vias biliares, a CPRE (Colangiopancreatografia Retrógrada Endoscópica).

Além do arco cirúrgico entregue no sábado, o Governo do Estado está efetuando a compra de outros aparelhos para a unidade, com investimentos de R$ 7.755.597,00. Já foram entregues, entre outros, os seguintes equipamentos: sistema de videoendoscopia flexível, lavadora termodesinfectora, berço aquecido, carro de curativos, mesa de cabeceira com refeição acoplada e cama hospitalar elétrica.

Em processo de aquisição, estão, entre outros: aparelho de Raio-X móvel, foto-refletor ambulatorial, cadeira de banho/higiênica, aparelho de Raio-X móvel, três esfigmomanômetros, berço para recém-nascido com fototerapia reversa, aparelho de anestesia com monitor multiparâmetros, marca-passo cardíaco externo, carro-maca avançado, mesa de exames, oxímetro de pulso e carro de emergência.

Regionalização

Para Geraldo Resende, os investimentos feitos com o objetivo de melhorar o atendimento, cada vez mais, fazem parte da estratégia da regionalização da saúde. “Esse hospital cumpre a meta do governador Reinaldo Azambuja, que é o de garantir saúde de qualidade, o mais próximo possível dos cidadãos, mesmo aqueles que moram nas pequenas cidades e regiões de nosso Estado”, salientou.

Demétrius Pareja, diretor-geral do Hospital, afirma que a chegada de novos equipamentos representa avanços no diagnóstico e no tratamento de doenças. “Nosso objetivo é prestar atendimento de qualidade e excelência para a população. Esses aparelhos reforçam nossa parceria e nos permitem agilizar o diagnóstico dos pacientes”, destaca.

Para Samir Siviero, diretor-presidente do Instituto Acqua, a parceria com o Governo do Estado tem se revelado eficiente. “Já observamos os avanços colhidos pela tecnologia aplicada em exames de imagem, reorganizamos o fluxo de atendimento e estamos em processo de acreditação hospitalar, ações pensadas em assegurar a qualidade assistencial e segurança de cada paciente”, conclui. Acreditação é o método de avaliação e certificação que busca, por meio de padrões e requisitos previamente definidos, promover a qualidade e a segurança da assistência no setor de saúde.

A solenidade de assinatura de convênios e entrega de equipamento contou com a presença, além do secretário Geraldo Resende, da secretária extraordinária de enfrentamento à Covid-19 do Ministério da Saúde, Rosana Leite de Melo; secretário municipal de Saúde Patrick Derzi; presidente do Instituto Acqua, Samir Siviero, vereadores, corpo clínico do hospital, entre outras autoridades.


Voltar


Comente sobre essa publicação...