Semana On

Sexta-Feira 20.mai.2022

Ano X - Nº 487

Mato Grosso do Sul

Cassems e Agepan promovem programa de saúde para servidores

Profissionais de saúde estiveram na sede da Agência fazendo a verificação das condições básicas de saúde e orientando para cuidados do dia a dia

Postado em 17 de Novembro de 2021 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Servidores da Agepan (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos) receberam no último dia 16 o Viva Saúde – programa de prevenção de doenças primárias, uma ação em parceria com Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul).

Profissionais de saúde estiveram na sede da Agepan, em Campo Grande, fazendo a verificação das condições básicas de saúde e orientando para cuidados do dia a dia. Quando necessário, o trabalhador é direcionado para buscar atendimento específico.

O serviço oferecido inclui a verificação da pressão arterial, da glicemia capilar, circunferência abdominal, peso e altura, e o índice de massa corporal (IMC). No momento, o trabalhador já recebe uma avaliação se as condições estão normais ou se há algum alerta que indique a necessidade de buscar um diagnóstico mais profundo.

A coordenadora da equipe da Cassems, Eliane Facco, explica que o Viva Saúde está sendo retomado após um período suspenso em razão da pandemia de Covid-19. “Aos poucos o programa vai voltar integralmente, com o fechamento de novas parcerias para atendimento completo, suporte e acompanhamento de longo prazo. Mas já estamos garantindo essa primeira fase, em que a verificação serve de sinal, de alerta, para avaliar se está tudo bem com a saúde do servidor”.

O diretor presidente da Agepan, Carlos Alberto de Assis, compareceu à ação e incentivou a participação da equipe. “É uma verificação rápida, feita num espaço preparado dentro do local de trabalho, que não compromete as atividades do dia e podem fazer uma grande diferença na saúde e bem-estar dos nossos colaboradores”, destacou.

Andressa Falcon Diniz, servidora da área de vistoria de veículos na Câmara Técnica de Transportes, aproveitou a oportunidade. Aos 32 anos, ela conta que o cuidado com a saúde é um hábito permanente, em função de ser hipertensa. “Eu faço sempre o controle, faço o acompanhamento. Não iria perder a oportunidade de verificar hoje aqui se está tudo bem”, diz Andressa.

Como ela, cerca de 40 funcionários passaram pelo atendimento.


Voltar


Comente sobre essa publicação...