Semana On

Quarta-Feira 18.mai.2022

Ano X - Nº 487

Campo Grande

Beneficiárias lembram da conquista da casa própria

Novas unidades estão sendo construídas na Capital

Postado em 27 de Agosto de 2021 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Já foram milhões investidos em milhares de imóveis por diversas regiões de Campo Grande nos últimos anos. Este é o retrato visto nas 23 obras já entregues na área da habitação pela Capital nos últimos seis anos e meio. Às entregas trouxeram mais segurança para a população, concretizaram o sonho dos trabalhadores e transformaram a vida das famílias.

São 122 anos que a Cidade Morena celebra com mais loteamentos, residenciais, entre outros empreendimentos, que totalizam 4.280 moradias habitadas. E no próximo ciclo não será diferente, com mais 700 unidades sendo construídas.

Quem mais comemora o progresso do setor habitacional na capital dos ipês são os próprios beneficiários. No segundo semestre de 2015, 1.498 unidades habitacionais deram forma aos residenciais Celina Jalad, do I ao VIII. Sendo uma das pessoas que receberam uma moradia, Alda Viviana Delmondes Andrade, dona de casa, relembra como sua vida mudou para melhor depois daquela entrega e conta das experiências vividas embaixo do novo teto de lá para cá.

“Eu morava em barraco, numa situação precária, então resolvi correr atrás desta conquista. E foi uma surpresa quando fui contemplada, pois eu não imaginava que iria conseguir. Desde aí a felicidade tomou conta de mim e de minha família, e a cada dia que passa, estamos mais contentes com a nossa casa, pois é lugar bom e especial”, disse Alda Viviana Delmondes. E concluiu, “É uma casa muito bem localizada, de esquina. O ônibus praticamente passa na porta; a escola para meus filhos poderem estudar é bem perto; e os parentes gostam de vir aqui passar o dia porque acham a casa muito bonita”.

No último dia 23 de agosto, a vida de Kariana Ramos Pereira entrou numa nova fase. Seu sonho se concretizou ao assinar o contrato de seu imóvel no Residencial Portal Laranjeiras. “Eu recebi as chaves recentemente, depois de oito anos correndo atrás. Quando eu soube que fui contemplada, fiquei muito feliz, pois eu e minha família precisávamos demais de uma moradia. Agora estamos bem estruturados com essa conquista, e ainda mais felizes porque temos a certeza de que meus três filhos estão crescendo num ambiente completo e seguro”, falou a trabalhadora autônoma.

No empreendimento foram investidos mais de R$ 36 milhões, dando qualidade de vida a 368 famílias.

Tais unidades habitacionais entregues pelo Governo do Estado fornecem ao cidadão campo-grandense um espaço com dois quartos, uma sala, cozinha, banheiro e área de serviço. E não é só isso. Muito desses lugares ainda dispõem de áreas sociais bem equipadas, além da infraestrutura completa que garante água, esgoto, pavimentação, drenagem e rede elétrica e iluminação.

Para Maria do Carmo Avesani Lopez, diretora-presidente da Agehab, o trabalho que, em muitas frentes, também conta com a parceria do município, traz bons resultados para todos. “Campo Grande só ganha com essa parceria dos Entes Públicos, e o campo-grandense consegue perceber isso em diversas realidades. Um dos exemplos é a dignidade que está sendo garantida aos antigos moradores da Comunidade Cidade de Deus. Já concluímos 136 unidades no Bom Retiro com ajuda dos próprios beneficiários, agora vamos garantir o mesmo direito a mais famílias que foram designadas para outras regiões da cidade”.

O trabalho segue intenso e a meta é entregar até ano que vem através do Programa Casa Verde e Amarela, os residenciais Sírio Libanês I e II, e Jardim Canguru. Pelo Programa de Substituição de Moradia Precária são aguardadas 150 moradias distribuídas no bairro Jardim Canguru (52) e loteamento José Teruel (98). Já a reforma da Oca da Aldeia Água Bonita também consta no cronograma.

Ao todo, às obras que serão entregues somam exatos R$ 17.303.015,19 milhões em recursos estaduais.


Voltar


Comente sobre essa publicação...