Semana On

Segunda-Feira 27.set.2021

Ano X - Nº 461

Legislativo

Deputados elogiam decisão que desonera consumidor do impacto no aumento na energia

‘Obra não é só construção, mas também quando o Governo toma uma medida que impacta positivamente na condição de vida das pessoas’, afirmou Amarildo

Postado em 19 de Agosto de 2021 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O anúncio do Governo do Estado que encaminhará à Assembleia Legislativa projeto de lei para não impactar os consumidores com o aumento de energia elétrica, gerou elogios durante sessão ordinária no último dia 18. Segundo a líder do Governo na Casa, Mara Caseiro (PSDB), a matéria beneficiará os usuários não cobrando o Imposto de Circulação sobre Mercadorias e Serviços (ICMS) em cima dos excedentes a serem cobrados em função da seca.

O primeiro a comentar a decisão foi o deputado Amarildo Cruz (PT). “Obra não é só construção, mas é também quando o Governo toma uma medida que impacta positivamente na condição de vida das pessoas e essa decisão está fazendo com que o valor do aumento da energia tenha um impacto menor. Gostaria de fazer esse registro publicamente, fiz a indicação com esse pedido, outros deputados fizeram e a decisão de acatar é acertada, providencial e importante, nesses cinco meses vamos deixar de pagar mais caro por conta do Governo do Estado, porque não devemos esperar isso do Governo Federal. Então de público parabenizar pela coragem e iniciativa”, elogiou o deputado.

Segundo Amarildo Cruz a bandeira tarifária vermelha tipo 2, reajustando em 52%, terá a vigência até novembro de 2021 e o impacto da crise econômica decorrente da pandemia do coronavírus já está pesando demais no bolso do consumidor. “Sem contar aumento da inflação, alto índice de desemprego, quero salientar que o Governo teve uma decisão acertada”, ressaltou.

A deputada Mara Caseiro (PSDB) concordou. “A medida mostra a sensibilidade do governador [Reinaldo Azambuja – PSDB], se preocupando com as pessoas mais necessitadas e olhando mesmo com esse olhar desprendido de interesse apenas financeiro. É uma grande atitude dele como ser humano, ainda mais em um momento de pandemia. Nós dessa Casa de Leis, que recebemos as demandas e trazemos a importância de ter a sintonia entre Legislativo e Executivo, mostra que ouvir a voz do povo nada mais é que o reflexo do nosso trabalho”, finalizou.


Voltar


Comente sobre essa publicação...