Semana On

Terça-Feira 24.mai.2022

Ano X - Nº 488

Coluna

Notícias da CPI

Idelber Avelar traça um relato da barafunda em que nos metemos

Postado em 05 de Agosto de 2021 - Idelber Avelar

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O relato é hilário, já está registrado nos anais do Senado e é mais um emblema da gigantesca barafunda em que estamos metidos. Vai com aspas porque é de autoria de outrem, que fica anônimo a pedido. Mas a informação é pública.

“Um sujeito chamado REVERENDO AMILTON, dono de uma ONG de picaretagens que esteve envolvida com intermediação de vacina para o Ministério da Saúde, contou o seguinte: que ele não conhecia ninguém no governo, não fez ponte com ninguém. O jeito como ele conseguiu uma reunião no ministério foi pq ele mandou um e-mail pra eles, apenas como cidadão zeloso, falando que conhecia alguém que tinha vacinas pra vender e se eles poderiam recebê-lo DALI A ALGUMAS HORAS. Sem nem esperar pela resposta, ele foi para o ministério levando o pessoal. Chegando lá, antes mesmo do horário que ele tinha solicitado, e sem nem a confirmação de se os caras tinham sequer recebido o e-mail, ele foi admitido para uma reunião com o secretário de vigilância em saúde[…] os senadores pareciam até constrangidos de interrogar o cara de tão ruim que ele era”.

****

O cara literalmente escreveu um e-mail propondo uma picaretagem de intermediação de vacina e foi para o Ministério, sem nem esperar resposta. Catou o endereço do Ministério no Google e foi. Ignoramos se ele foi de Uber, táxi ou carro próprio, mas o secretário de vigilância em saúde o recebeu.


Voltar


Comente sobre essa publicação...