Semana On

Quarta-Feira 25.mai.2022

Ano X - Nº 488

Mato Grosso do Sul

Riedel: ‘Cada real investido em educação retorna em 10 vezes para a sociedade’

Governo faz investimento de R$ 289 milhões em reformas de escolas

Postado em 03 de Agosto de 2021 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Mais de 200 mil alunos da Rede Estadual de Ensino de Mato Grosso do Sul voltaram às aulas presenciais o último dia 2 depois de 16 meses de ensino remoto, por causa da pandemia de Covid-19. Ao voltar às atividades de forma alternada e seguindo protocolos de biossegurança, a maioria dos estudantes encontrou escolas reformadas e equipadas.

Um dos prédios novos entregues pelo Governo do Estado é o da Escola Estadual Vespasiano Martins, de Campo Grande, que atende 232 estudantes e foi revitalizado com R$ 2,9 milhões. “Muito bom poder voltar e encontrar tudo novo. A expectativa agora é grande, rever os amigos e estudar presencial. Será bem legal esse segundo semestre”, disse o jovem Felipe de Souza, do 2º ano do ensino médio.

Ao recepcionar os alunos da unidade na acolhida de volta às aulas, o governador Reinaldo Azambuja detalhou os investimentos que têm sido feitos na Rede Estadual de Ensino de Mato Grosso do Sul, que vão das reformas em prédios à valorização dos servidores da Educação, entre professores e administrativos.

Essa escola passou por reforma completa. Reconstrução, melhorias e laboratórios que estão sendo feitos em praticamente todas as 347 escolas da Rede Estadual. Estamos com mais de R$ 289 milhões em investimentos. Só neste momento, mais de 132 escolas passam por reformas como essa do Vespasiano Martins. Isso faz parte do conjunto e do trabalho que estamos realizando no setor educacional”, afirmou.

Para o secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel, investimento em educação é estratégico. “Pesquisas mostram que cada real investido em, educação retorna à sociedade multiplicado por dez”, afirmou.

Segundo o governador, a reestruturação da Rede contempla ainda a mudança no sistema de ensino. “Vamos entregar até 2022 praticamente 60% das 347 em escolas em tempo integral. Entendo que investimento em Educação é um conjunto, que vai da valorização dos profissionais da Educação aos alunos”, pontuou.

“Agora em outubro, enviaremos projeto de lei à Assembleia Legislativa para valorização dos administrativos, vou publicar também um novo concurso para professores e continuar fazendo a reestruturação da Rede, com laboratórios de tecnologia, salas de ciência e reformas de prédios”, completou.

Também nesta segunda-feira, o governador Reinaldo Azambuja inaugurou a construção do prédio da Escola Cívico-Militar Prof. Alberto Elpídio Ferreira Dias (Professor Tito). O prédio era uma obra inacabada que entrou no Programa das Escolas Cívico-Militares (Pecim), do Governo Federal, em parceria com o Corpo de Bombeiros Militar, e vai atender 404 alunos.

A unidade foi construída com R$ 4,4 milhões e possui 14 salas de aula e quadra de esportes coberta com arquibancada, totalizando 3,6 mil m² de área construída. A unidade ainda tem biblioteca, cantinho da leitura, sala de informática, cantina, despensa, área de descanso, espaço de múltiplo uso e um palco, além de toda estrutura administrativa e banheiros, todos com acessibilidade.


Voltar


Comente sobre essa publicação...