Semana On

Sexta-Feira 17.set.2021

Ano X - Nº 460

Campo Grande

Qualificações do Rede Solidária são sinônimo de oportunidade profissional para jovens e adultos

Os cursos profissionalizantes oferecidos gratuitamente na Capital tem trazido esperança para jovens e adultos em momentos diversos da vida

Postado em 30 de Julho de 2021 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Os cursos profissionalizantes oferecidos gratuitamente nas unidades do Rede Solidária em Campo Grande tem trazido esperança para jovens e adultos em momentos diversos da vida. Recentemente o entusiasmo dos matriculados no curso de modelagem de lingerie, fez com que o Senai antecipasse em alguns meses o curso de costura sob medida. O objetivo era aproveitar a vontade de aprendizado dos alunos em dar sequência e partir para a parte prática. 

De acordo com a instrutora Jéssica Martinez Dias, a grande maioria dos alunos deu sequência, e já estão na parte prática conseguindo ver prontos os moldes desenhados no curso anterior. “Elas já querem emendar outro curso. Ainda estamos decidindo se vamos trazer o de modelagem e costura pet ou então, o de enxoval de bebês”, afirma. 

Entre as alunas que se dedicam em aprender uma nova profissão está Neide Lima Féa de 50 anos. “Sou bonequeira, mas como as festas estão difíceis, caiu bastante minhas vendas porque quase não tem aniversário, quase não tem mais festa e agora quero passar para costura. Até já adquiri uma maquina industrial costura reta e maquina industrial galoneira para eu aumentar minha renda. Até então eu estava aumentando minha renda com faxinas, mas eu tenho problema de coluna. Quero incentivar meu MEI mesmo”, conta.  

Aos 68 anos e feliz com a peça, uma calcinha bunda rica, praticamente pronta  nas mãos, dona Alzira deixa uma grande lição. “Minha mãe sempre dizia que o saber não ocupa lugar. Eu trabalhava na escola, aposentei tem dois anos.  Eu vou ficar deitada na rede lá em casa? Vai dando um tédio né?”. Com o aprendizado dos cursos ela pretende ocupar a mente, o tempo e ainda complementar a renda. “Aprendi do zero”, conta orgulhosa. 

Apaixonada por desenho, Luísa Bruno Mello, de 22 anos, também está entre as alunas que celebram cada conquista no curso. “É uma superação a cada etapa. Quando a gente começa a testar as máquinas é um desespero a gente fica “meu Deus será que vou conseguir”, aí vai pegando o jeito e conseguindo. Porque o molde a gente não consegue ver muito bem como é a peça no final. Então quando você vê a peça pronta, você fica feliz que conseguiu juntar as partes ali e fazer o quebra cabeça”. 

Ela também pretende fazer todos os cursos para se profissionalizar. “Comecei aqui porque queria mesmo aprender a fazer roupas, começar a desenhar umas coisas e fazer coisas que eu mesma desenhei, então pretendo continuar”. 

O jovem Alax da Silva Ferreira, único homem da turma, fala com tranquilidade sobre o que levou ele a buscar a qualificação. “Minha mãe e minha vó costuram, só que eu não. E aí resolvi fazer o curso pra ver se aprendo e ver se consigo aprender e começar a fazer a profissão e ajudar elas. Tô achando muito bom, e  apesar da minha mãe saber costurar e minha vó também, eu nunca me interessei antes. Quando cheguei aqui eu não sabia nada, e estou aprendendo aqui do zero”. 

Cursos com inscrições abertas

A parceria entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Direitos Humano, Assistência Social e Trabalho (Sedhast) com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) tem expectativa de disponibilizar cerca de 500 vagas em 30 cursos de capacitação e geração de renda.

As inscrições são abertas para a população em geral e principalmente para as famílias em situação de vulnerabilidade atendidas pelo Programa Rede Solidária e pelo “Mais Social”, buscando capacitar e inserir essas pessoas no mercado de trabalho.

Os cursos serão ministrados em turnos diversos nas duas sedes do Rede Solidária, localizadas no bairro Jardim Noroeste e Dom Antônio Barbosa.

Serviço

Confira a lista completa dos cursos com inscrições abertas.

Programa Rede Solidária II, bairro Jardim Noroeste:

- MOTOR CICLO OTTO MECÂNICA PARA VEÍCULOS FLEX

- ELETRICISTA INICIANTE

- INSTALADOR DE ENERGIA FOTOVOLTÁICA

Para informações e inscrições entre em contato com o Rede Solidária II pelo telefone (67) 3344-3877, ou na sede do programa na Rua da Conquista, n° 649, bairro Jardim Noroeste.

Programa Rede Solidária I, bairro Dom Antônio Barbosa:

Período matutino:

- INTRODUÇÃO A FABRICAÇÃO DE PRODUTOS DE CONFEITARIA

- PRINCIPIOS DA FABRICAÇÃO DE BOLOS CONFEITADOS

Período Vespertino:

- INTRODUÇÃO A FABRICAÇÃO A PRODUTOS DE PANIFICAÇÃO

- INTRODUÇÃO A FABRICAÇÃO DE PÃES E DOCES

- APERFEIÇAMENTO EM MASSAS E DOCES

Período Noturno:

- INTRODUÇÃO A FABRICAÇÃO DE SALGADOS E CANAPÉS

- APERFEIÇOAMENTO EM SALGADOS E CANAPÉS

Para informações e inscrições entre em contato com o Rede Solidária I pelo telefone (67) 3308-3041, ou na sede do programa na Avenida Adelaide Maia Figueiredo, n° 1879, bairro Dom Antônio Barbosa.


Voltar


Comente sobre essa publicação...