Semana On

Sexta-Feira 30.jul.2021

Ano IX - Nº 454

Legislativo

Paulo Corrêa entrega cartões do Mais Social aos primeiros beneficiários

Considerado o maior programa de transferência de renda do Brasil, dentre os governos estaduais, o Mais Social concederá auxílio permanente de R$ 200 a cerca de 100 mil famílias sul-mato-grossenses em situação de vulnerabilidade

Postado em 13 de Julho de 2021 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS), o deputado estadual Paulo Corrêa (PSDB) participou, em Campo Grande, da entrega de cartões do Programa Mais Social aos primeiros contempladas com o benefício do Governo do Estado.

Considerado o maior programa de transferência de renda do Brasil, dentre os governos estaduais, o Mais Social concederá auxílio permanente de R$ 200 a cerca de 100 mil famílias sul-mato-grossenses em situação de vulnerabilidade, e foi votado em tempo recorde na Casa de Leis, por determinação de Corrêa.

No evento, o presidente entregou o cartão do à senhora Daiane Franco Carvalho. “Estamos trabalhando há seis anos e meio com o governador que lança nesta escola hoje o maior programa social do País. Não é cesta básica, é um cartão de banco de débito que significa dignidade para cada beneficiário, você pode ir a qualquer supermercado ou lugar comprar. Há três deputados aqui, e o projeto foi votado com agilidade pela Assembleia Legislativa, graças ao empenho de todos nós parlamentares”, declarou.

O secretário de Infraestrutura (Seinfra), Eduardo Riedel, relatou o momento da pandemia. “Atravessamos um momento muito difícil, todos estão sentindo de uma forma ou outra, cada um ficando aqui com um sentimento de desamparo. Cada secretário aqui soube construir um trabalho pensando em vocês, que estão recebendo um apoio mínimo para cada um poder comprar o que for necessário”, frisou.

A célere análise do projeto de lei e a parceria com a Casa de Leis também foi elogiada pelo governador Reinaldo Azambuja. “Para a gente fazer o Mais Social, precisamos da aprovação da Assembleia, e os deputados, em tempo recorde, aprovaram. Como o Paulo falou, esse programa dá dignidade para as famílias. Nós poderíamos comprar cestas de alimentos e entregar todos os meses para vocês, mas quem sabe do que está precisando em casa são vocês, por isso escolhemos entregar os cartões, para ser democrático”, afirmou.

Quem também enalteceu a votação em regime de urgência foi a secretária de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho, Elisa Cléia Nobre, responsável pela administração do programa. “Quero agradecer a toda a Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul que entendeu a necessidade do momento e votou esse projeto em regime de urgência, de forma tão rápida que até eu assustei”, confessou.

Os cartões, aceitos em mais de 7 mil estabelecimentos, foram entregues aos primeiros beneficiados, na escola Aracy Eudociak, no bairro Tijuca, na Capital. Também participaram da cerimônia a primeira-dama, Fátima Azambuja, os secretários de Estado Sérgio de Paula (Casa Civil), Maria Cecíia Amêndola da Mota (Educação), João César Mattogrosso (Cidadania e Cultura), além dos deputados Lucas de Lima e Professor Rinaldo.

Rede Solidária

Após o lançamento na escola Aracy Eudociack, outros 40 cartões serão entregues em evento no Programa Rede Solidária, localizado no bairro Noroete em Campo Grande. Outros 10 mil cartões estão prontos para serem distribuídos por todo o Estado.


Voltar


Comente sobre essa publicação...