Semana On

Sábado 18.set.2021

Ano X - Nº 461

Legislativo

Paulo Corrêa comemora R$ 14,7 bilhões em investimentos para Mato Grosso do Sul

Protocolo de intenções entre o Governo do Estado e a Suzano S.A vai viabilizar construção de uma fábrica de celulose em Ribas do Rio Pardo

Postado em 14 de Maio de 2021 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O deputado estadual Paulo Corrêa (PSDB) comemorou, durante a sessão plenária dp último dia 13, a assinatura de um protocolo de intenções entre o Governo do Estado e a Suzano S.A para construção de uma fábrica de celulose em Ribas do Rio Pardo. A partir do investimento de R$ 14,7 bilhões, serão gerados 11,4 mil empregos diretos e indiretos.

Conforme anunciado pela empresa, a indústria 4.0 terá capacidade de produzir 2,3 milhões de toneladas de celulose de eucalipto por ano. A previsão é que ela entre em operação no primeiro trimestre de 2024, gerando cerca de 10 mil empregos já na fase de obras.

“Com uma empresa deste tamanho, brasileira, instalada em Ribas do Rio Pardo, a revolução é iminente. Temos que agradecer ao governador Reinaldo Azambuja, que foi quem assinou o protocolo de intenções ontem (12). Essa indústria de Ribas do Rio Pardo, de Mato Grosso do Sul, vai produzir 25% do que produz toda a Suzano há 60 anos. É um investimento que não é brincadeira’’, pontuou.

Com vasta trajetória em prol do desenvolvimento e progresso do Estado, o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS) avaliou que o investimento privado em papel e celulose vai “sustentar todos os investimentos públicos para os 79 municípios de Mato Grosso do Sul durante muitos anos’’, acredita.

“Ribas do Rio Pardo está de parabéns. Quero cumprimentar também toda a população. Agradecer a Deus por esse pedaço de Mato Grosso do Sul estar sendo visto de outra forma. São 36 meses que farão a diferença para o progresso e desenvolvimento do nosso Estado’’, afirma Paulo Corrêa, lembrando da interlocução do então senador Ramez Tebet junto ao Governo Federal, em 2022, quando da assinatura da MP do Bem, que permitiu a entrada de investimentos estrangeiros no país.

Corrêa também enalteceu a articulação dos secretários de Infraestrutura, Eduardo Riedel, e Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck.


Voltar


Comente sobre essa publicação...