Semana On

Terça-Feira 15.jun.2021

Ano IX - Nº 447

Mato Grosso do Sul

Obras da Sanesul ampliam para 83% cobertura de coleta e tratamento de esgoto em Dourados

Governo inaugurou R$ 121 milhões em obras da Sanesul no município

Postado em 02 de Outubro de 2020 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Com a entrega de R$ 121 milhões em obras da Sanesul em Dourados nesta sexta-feira (2), o maior município do interior de Mato Grosso do Sul ampliou de 63% para 83% a cobertura de coleta e tratamento de esgoto.

O governador Reinaldo Azambuja acompanhou a inauguração e falou sobre os investimentos. “São importantes para a saúde das pessoas e para o desenvolvimento da cidade. Eu gosto de investir em saneamento porque melhora a qualidade de vida da população. Para cada um real colocado em saneamento você economiza cinco reais em saúde”, afirmou o gestor público.

Além dos R$ 121 milhões de obras em saneamento entregues hoje, outros R$ 119 milhões estão em andamento. Com a maciça aplicação de recursos públicos nessa área, o Estado objetiva universalizar, nos próximos anos, a coleta e o tratamento de esgoto em Dourados e também em todos os 68 municípios sul-mato-grossenses atendidos pela Sanesul.

“Para isso estamos em andamento com a PPP (Parceria Público-Privada) que vai tornar Mato Grosso do Sul o primeiro estado do Brasil a ter 100% de coleta e tratamento de esgoto”, destacou o diretor-presidente da Sanesul, Walter Carneiro Júnior. O Estado busca uma empresa privada para investir em saneamento e ampliar a prestação de serviço à população nessa área.

Modernização de rodovias

Depois de entregar os novos sistemas de água e esgoto, Reinaldo Azambuja autorizou o início imediato de duas obras estruturantes para a cidade: o asfaltamento de 7,1 quilômetros da rodovia MS-162, entre o Aeroporto Municipal e a BR-463; e a duplicação e modernização de 7,3 quilômetros da MS-156, da BR-163 até o núcleo industrial da cidade. Juntos, os investimentos ultrapassam os R$ 38 milhões.

“Essas obras foram pedidas pela própria sociedade por meio dos vereadores e da prefeita Délia Razuk dentro do programa Governo Presente (que percorreu todo o Mato Grosso do Sul em 2019 parar mapear as demandas dos 79 municípios do Estado), explicou o governador.

Dourados tem hoje 225,4 mil habitantes, conforme dados de 2020 do IBGE, e uma gama empreendimentos públicos tocados pelo Governo do Estado. Os mais recentes são a construção da sede própria do DOF (Departamento de Operações de Fronteira); a edificação do Hospital Regional de Dourados, que será referência em saúde para 34 municípios; a revitalização a Avenida Hayel Bon Faker; e a construção da passarela de pedestres na MS-156, na altura do núcleo industrial.

Estiveram presentes no evento em Dourados a prefeita da cidade, Délia Razuk; o vice-governador e secretário estadual de Infraestrutura, Murilo Zauith; os deputados Beto Pereira (federal) e Zé Teixeira (estadual); e os secretários estaduais Eduardo Riedel (Governo e Gestão Estratégica), Geraldo Resende (Saúde) e Luís Beto Martins (adjunto da Infraestrutura).


Voltar


Comente sobre essa publicação...