Débora Prado é jornalista do Instituto Patrícia Galvão e é editora-executiva do Dossiê Feminicídio, que tem como finalidade “debater algumas perguntas que consideramos essenciais para desnaturalizar essas discriminações que alimentam violências”.