Semana On

Sexta-Feira 24.mai.2019

Ano VII - Nº 351

Especial

Hora da verdade

Campo Grande escolhe entre Rose e Marquinhos neste domingo. Confira as entrevistas exclusivas com os candidatos.

Postado em 27 de Outubro de 2016 - Victor Barone

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Campo Grande (MS) elege neste domingo a nova gestão que conduzirá os rumos da cidade pelos próximos quatro anos. Depois de um primeiro turno extremamente capilarizado, quando 15 candidaturas disputaram o voto de um eleitor insatisfeito e extremamente desconfiado com os rumos da política municipal, dois candidatos despontaram para o segundo turno.

De um lado, o deputado estadual Marquinhos Trad (PSD), líder de votos em todos os pleitos que disputou, mas ainda marcado pelo peso da família, que tem ocupado espaços políticos em diversos setores do Estado. Do outro lado, a vice-governadora Rose Modesto (PSDB), aposta do partido para conquistar a Prefeitura da Capital com o peso político de ser mulher e evangélica, mas que tem sobre si o interesse tucano em uma política de hegemonia no Estado.

Ambos têm travado uma campanha recheada de acusações, seja no horário eleitoral, seja no campo de batalha mais promíscuo das redes sociais. Ambos prometem resolver os problemas da cidade e dar um basta no período político mais conturbado e prejudicial que os campo-grandenses já viram.

Marquinhos Trad e Rose Modesto foram entrevistados com exclusividade nesta semana – na reta final da campanha – pelo editor da revista digital Semana On, o jornalista Victor Barone. Na pauta das entrevistas (que você confere clicando nas fotos abaixo), os motivos pelos quais o campo-grandense deve votar em Marquinhos ou Rose (de acordo com eles próprios), o tom duro da campanha, o posicionamento do prefeito Alcides Bernal no segundo turno e a prioridade que cada candidato elencou para sua gestão, caso seja eleito (a).

Clique na foto abaixo e confira a entrevista com Rose Modesto.

Clique na foto abaixo e confira a entrevista com Marquinhos Trad.


Voltar


Comente sobre essa publicação...