Semana On

Sábado 18.jan.2020

Ano VIII - Nº 376

Mato Grosso do Sul

Sanesul ativa poços em Chapadão do Sul, Ivinhema e Dourados

Ampliação aumentará eficiência no abastecimento de água.

Postado em 30 de Outubro de 2015 - Redação Semana On

Em Chapadão, o poço tem vazão de 40 mil litros por hora, em Ivinhema 58 mil litros e em Dourados, 350 mil litros de água por hora. Em Chapadão, o poço tem vazão de 40 mil litros por hora, em Ivinhema 58 mil litros e em Dourados, 350 mil litros de água por hora.

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Com o objetivo de ampliar a capacidade de abastecimento de água em Chapadão do Sul, Ivinhema e Dourados, atendendo ao crescimento vegetativo dos municípios e ao aumento do consumo, principalmente em dias mais quentes, a Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul) ativou três poços profundos nestes municípios. Em Chapadão, o poço tem vazão de 40 mil litros por hora, em Ivinhema 58 mil litros e em Dourados, 350 mil litros de água por hora.

“É uma satisfação para nós resolver as demandas, trabalhar para atender as necessidades da população e das gerencias regionais. Este é o nosso trabalho.  Quando a gente vê a água tratada chegando à torneira das casas, atendendo toda a população, é uma alegria, como se tivéssemos marcado um gol”, comemorou o gestor de processos de distribuição de água, Elthon Santos Teixeira.

Teixeira explica que a ação conjunta dos gerentes regionais e das gerências de Abastecimento de Água e de Manutenção, sob coordenação do diretor comercial e de operações, Leonardo Barbirato, está sendo fundamental para agilizar os processos e resolver as demandas nos municípios. “Estamos trabalhando integrados com as gerências regionais, buscando melhorar as nossas operações a cada dia e garantir qualidade na prestação dos serviços da Sanesul”, completa.

Chapadão do Sul

O poço ativado em Chapadão do Sul, cuja vazão é de 40 mil litros por hora, visa evitar o desabastecimento de água na parte alta da cidade principalmente nos dias mais quentes, em que o consumo aumenta bastante.

“Com este poço em funcionamento, resolvemos a questão da produção de água em Chapadão”, destacou o gerente de Sistemas de Abastecimento de Água, José Roberto Cardoso Ferreira.

Segundo o gerente, além da ativação do poço está sendo feito o trabalho de setorização para melhorar a distribuição de água na cidade.

“Este trabalho consiste na análise das pressões na rede de distribuição em alguns pontos do município, e na divisão dos sistemas de modo que a água chegue com a mesma pressão em todos os pontos da cidade, tanto os mais altos quanto os mais baixos”.

A obra de ativação do poço CPS-013 foi executada com recursos próprios da Sanesul, ao custo total de R$ 319.558.

Ivinhema

A vazão do poço ativado em Ivinhema é de 58 mil litros de água por hora, injetando água no reservatório que abastece toda a cidade. O poço está localizado na Av. Brasil, saída para o município de Angélica. “Além do poço, vamos executar uma grande obra no sistema de abastecimento de água, com construção de reservatório apoiado, estação elevatória, cerca de 12 mil metros de rede, que vão aumentar ainda mais a capacidade de abastecimento”, destacou o supervisor José Zili Neto.

A perfuração e ativação do poço teve custo total de R$ R$ 644 mil.

Dourados

Em Dourados, a produção diária de água é em média 55 milhões de litros, sendo que o consumo médio é de 51 milhões de litros, os quatro milhões restantes são reservas para prevenir eventuais desabastecimentos. O poço ativado tem vazão de 350 mil litros de água por hora e vai ampliar o abastecimento no Parque Alvorada e região em cerca 50%.

Dourados tem 61 mil residências atendidas pela Sanesul. Para abastecer esses domicílios, a Empresa utiliza 52% do volume de água do Rio Dourados e 48% de 15 poços artesianos.

A ativação dos poços vai evitar desabastecimento em picos de consumo, mas vale ressaltar a importância de os moradores terem caixas de água em suas residências e utilizar conscientemente os recursos hídricos disponíveis.


Voltar


Comente sobre essa publicação...