Semana On

Sexta-Feira 14.ago.2020

Ano IX - Nº 405

Mato Grosso do Sul

Corumbá investe na formação de atletas com Centro de Iniciação ao Esporte

A obra deve estar concluída em maio de 2016.

Postado em 16 de Outubro de 2015 - Redação Semana On

O prefeito Paulo Duarte visitou as obras do Centro nesta semana. O prefeito Paulo Duarte visitou as obras do Centro nesta semana.

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

A população corumbaense ganha em 2016, no ano dos Jogos Olímpicos no Brasil, um moderno Centro de Iniciação ao Esporte (CIE) que está sendo construído pela Prefeitura na região do Guanã, bairro da Nova Corumbá. Concluído, o centro vai ampliar a oferta e incentivar a iniciação esportiva na região pantaneira, contribuindo assim para o surgimento de novos valores nas mais diferentes modalidades olímpicas, inclusive.

“O Centro de Iniciação ao Esporte é mais uma grande obra que estamos executando na parte alta da cidade. Primeiro foi a UPA 24 Horas do Guató, depois o Centro de Artes e Esportes Unificados, isto sem contar com as 1040 unidades habitacionais no Guató e no Jardim dos Estados”, comentou o prefeito Paulo Duarte.

O prefeito explica que são obras importantes que estão transformando a região sul, parte alta da cidade. “Este centro esportivo é mais um empreendimento que estamos trazendo para a parte alta. É, sem dúvida, o maior e melhor espaço destinado à iniciação esportiva do Mato Grosso do Sul, que vai transformar vidas, revelar atletas, formar cidadãos, com reflexos inclusive na saúde das pessoas”.  

A obra deve estar concluída em maio de 2016, ano em que o Brasil sedia os Jogos Olímpicos.

Guanã

O CIE está sendo construído no Guanã, no bairro da Nova Corumbá, em uma área de 7.000 metros quadrados localizada nas ruas Cyríaco de Toledo, João B. O. Mota e Edu Rocha.

O centro é dotado de um ginásio poliesportivo com arquibancada; área de apoio (administração, sala de professores/técnicos, vestiários, chuveiros, enfermaria, copa, depósito, academia, sanitário público), além de estruturas de atletismo na parte externa do ginásio. Serão 3.750 metros quadrados de área construída em uma área total de 7.000 metros quadrados.

“Teremos um espaço para a prática de todas as modalidades olímpicas e paraolímpicas. A pista de atletismo, por exemplo, será emborracha”, explicou o diretor-presidente da Fundação de Esportes de Corumba (Funec), Elvécio Zequetto. Conforme ele, a área do atletismo contará com uma pista, espaços para saltos, além de arremesso de martelo, de peso, de disco e de dardo. Já o ginásio poliesportivo comportará as modalidades de basquetebol, boxe, handebol, judô, lutas, tênis de mesa, taekwondo, vôlei, esgrima, ginástica rítmica, badminton e levantamento de peso.

Haverá espaço também para seis modalidades paraolímpicas: esgrima de cadeira de rodas, judô, halterofilismo, tênis de mesa, voleibol sentado e goalball. O futsal, modalidade não olímpica, também está contemplado.

O ginásio contará com espaço para quadra com 40 metros de comprimento por 20 metros de largura, 12 metros de altura; piso sintético com camada de resina de poliuretano, além da área administrativa e espaço para academia, enfermaria, vestiários e copa. Será dotado de equipamentos de acessibilidade como rampas, plataforma elevatória, banheiros adaptados, portas mais largas e espaço para cadeiras nas arquibancadas.


Voltar


Comente sobre essa publicação...