Semana On

Terça-Feira 13.abr.2021

Ano IX - Nº 438

Coluna

História de mulher

As reminiscências dos objetos e de nossas vidas.

Postado em 06 de Março de 2015 - Vivianne Portugal

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

A iniciativa contar sua história partiu de algumas visitas que tenho feito a sua casa desde o ultimo ano. Suas filhas, Gabriela e Daniela, são minhas amigas de longa data. O que mais me chamava atenção, cada vez que ia naquela casa, era a alegria e a cumplicidade daquela família.

Nilva Maria Assis Soares é uma mulher de muitas histórias. E dentro dessas histórias existem móveis e objetos com uma riqueza de detalhes absurdamente poéticos.

Ela nos conta suas lembranças como se estivesse vivendo aqueles momentos, aquelas reminiscências de anos atrás. Os objetos têm histórias, tem datas, tudo foi encaixado em sua casa com muito cuidado e zelo.

“Em 1975, assistia a uma competição de barcos chamados e vi, as margem do Rio Tocantins, grávida da Gabriela, uma máquina de costura linda, meio encoberta pela água. Pedi a um senhor que pegasse para mim. Provavelmente era de origem francesa, hoje está na minha casa como um objeto de decoração”, relembra Nilva. 

As bacias de ágata são o colorido de sua lavanderia, uma delas foi usada nos primeiros banhos de seu filho mais velho, hoje com 43 anos.

Na foto do casamento, 45 anos atrás, estão as taças do brinde, preservadas até hoje.

Muitas histórias e um sorriso estampado ao lembrar-se delas.

O mais encantador é que são objetois, coisas que guardam histórias incríveis de momentos que nunca sairão da memória de Nilva.

Uma grande Mulher.

Feliz Dia das Mulheres Tia Nilva.

 


Voltar


Comente sobre essa publicação...