Semana On

Segunda-Feira 20.nov.2017

Ano V - Nº 280

Gov Refis

Auau Miau

Entenda a Tosa Higiênica para Pets

De extrema importância para a saúde dos cães, a tosa higiênica deve estar sempre na agenda de seu pet.

Postado em 12 de Fevereiro de 2015   - Redação Semana On

Eles ficam mais bonitos e mais felizes. Eles ficam mais bonitos e mais felizes.

A tosa higiênica é tida como um dos cuidados mais importantes para a saúde e a higiene de cachorros e, quem é responsável por pets caninos, deve ter sempre anotado na agenda esse compromisso mensal. Embora muitos acreditem que levar seus cachorrinhos para a tosa com frequência seja uma ação de proprietários que buscam apenas deixar seus amiguinhos bonitos e com o “penteado” em dia, essa preocupação traz muito mais benefícios além do estético, ajudando a manter os cãezinhos livres do acúmulo de sujeira e até de acidentes.

Para algumas raças específicas, como a Shih-Tzu e a Schnauzer, a tosa higiênica é um compromisso inadiável, já que, com uma quantidade gigantesca de pelos em seus corpos, os cães de tais raças podem se deparar com diversas situações desagradáveis em função da falta de corte na pelagem.

Com o aumento dos lares com pets e o crescimento dos estabelecimentos dedicados aos cuidados com animais dos últimos tempos, hoje é possivel encontrar ofertas variadas de estabelecimentos que realizam serviços de tosa por toda parte. Os proprietários de pets e os próprios animaizinhos é que saem na vantagem, podendo tanto garantir a higiene de ambos como também a beleza dos cãezinhos.

Confira, a seguir, um pouco mais sobre os diferentes tipos e aspectos desse cuidado tão importante para os cães, e entenda as razões que o tornam imprescindível na vida dos melhores amigos do homem.

Por que a tosa higiênica é tão importante?

Como já foi explicado anteriormente, a tosa higiênica pode ser considerada uma necessidade na vida dos cachorros, e não um luxo, como é pensado por alguns. Ajudando a manter a saúde do animal por meio da prevenção do acúmulo de sujeiras em seus pelos, esse serviço é indicado a todo tipo de cão com pelos longos, sendo que, quanto maior for o comprimento da pelagem de seu pet, maior deve ser a frequência das tosas.

Além das raças Shih-Tzu e a Schnauzer, os cães Maltês, Yorkshire, Poodle, Lhasa Apso e Collie também entram na lista dos que precisam de visitas ao pet shop com frequência para aparar os pelos. No entanto, nenhum cachorrinho deve ficar de fora das tosas higiênicas, já que mesmo os cães de pelos mais curtos podem ser beneficiados com este cuidado a mais.

Nesse tipo de processo, há algumas áreas determinadas para que a remoção de pelos seja concentrada, incluindo, principalmente, as regiões da sola das patas, da barriga, da área íntima e do ânus. Cada uma dessas áreas destaca motivos específicos e quase óbvios para necessitar de cuidado mas, todos eles, tem uma razão em comum: a higiene.

Na área das almofadinhas da sola das patas dos cães (chamada de coxim e também conhecida por almofadas plantares), a razão principal para a retirada de pelos é evitar que o animal escorregue na própria pelagem, que cresce bastante na região e dificulta a movimentação do animal sem acidentes.

Na regão da barriga (onde, por serem mais finos, os pelos tem maior chance de se embaraçar) a razão para a importância da tosa é a mesma que nas áreas íntimas: impedir o acúmulo de sujeira. Por serem regiões diretamente ligadas às àreas de evacuação dos cãezinhos, é possivel que restos de urina ou fezes fiquem agarrados à pelagem do animal depois de fazerem suas necessidades, e este é um ambiente perfeito para a proliferação da bactérias e parasitas que podem trazer doenças de diversos tipos e níveis de gravidade ao pet.

Em boa parte das pet shops que contam com este tipo de serviço a depilação na área das orelhas do cão também é incluída no pacote de tosa higiênica, assim como o corte e o lixamento de suas unhas, a limpeza da área dos olhos e o arredondamento de patas. Detalhes específicos também entram nos serviços de acordo com a raça do cachorro e, no caso do Poodle, por exemplo, o acerto do “topete” normalmente faz parte do processo.

Apesar da grande variedade de opções, nem todas as pessoas requisitam todo o conjunto de higiene que inclui esse serviço completo, já que muitos proprietários acreditam que a remoção de muitos pelos também pode trazer problemas para seus animaizinhos. Entre os temores destes donos, o principal é o de deixar desprotegida a pele do cão, facilitando infecções e até mesmo queimaduras (principalmente na área da barriga) quando em contato com o chão quente.

Outros tipos de tosa para cães

Conforme citado anteriormente, a tosa higiênica não é o único tipo de tosa que pode ser encontrado no mercado, e variações desse serviço podem ajudar bastante a manter seu cãozinho limpo e bonito, facilitando, ainda, a vida de seus donos, que tiram vantagem de outras praticidades com as visitas ao pet shop.

Entre as tosas da categoria de Grooming – que é a mais frequente entre os pets domésticos e na tradução significa algo como “enfeite” – as opções se resumem a Tosa Bebê, Tosa com Máquina e Tosa com Tesoura.

Para os que não tem muito tempo para gastar com a escovação e os cuidados que requerem uma pelagem longa, a Tosa Bebê é extremamente indicada, já que deixa o animal com pelos de, no máximo, dois dedos de comprimento; evitando tanto que os fios se embolem quanto que acumulem resíduos de sujeira.

Tida como uma das mais conhecidas, a Tosa com Máquina também está entre as preferidas dos donos de pets, garantindo uma pelagem bem aparada e de visual elegante, que ainda evita os problemas que podem ser causados por pelos longos demais.

Além destas, existe ainda o tipo mais clássico de todos, da Tosa com Tesoura, indicada para cães que tenham algum tipo de alergia às lâminas da máquina de tosagem ou que se estressem facilmente com o barulho que ela produz. Por ser mais demorada que as demais técnicas, esse tipo de tosa acaba não sendo o preferido por proprietários sem tempo, no entanto, seus resultados podem ser tão bons quanto os outros.

Esse tipo de corte também é indicado em partes da tosa higiênica, mais específicamente na remoção dos pelos da região anal, já que a área tem uma propensão maior a sofrer com alergias e é mais delicada.

Na tosa da categoria Trimming – que, apesar de na tradução significar “aparar”, é direcionada aos cães que participam de shows e exposições – a diferença principal são os diversos detalhes adicionais que, além da tosa básica, incluem penteados, o molde dos pelos da cabeça de acordo com a raça e a “armação de botas” nos cães, que consiste em dar volume à pelagem da pata dos animais com o uso de pós-especiais ou laquê.

Com as técnicas do trimming é possivel, ainda, disfarçar falhas nos pelos do cachorro e até mesmo realçar as nuances de suas marcações de cor, já que até maquiagens especiais para cães são usadas em alguns casos.


Voltar


Comente sobre essa publicação...