Semana On

Segunda-Feira 12.abr.2021

Ano IX - Nº 438

Campo Grande

Prefeitura anuncia novas medidas de combate à Covid-19

Novo toque de recolher em Campo Grande vai até 11 de dezembro, diz decreto

Postado em 26 de Novembro de 2020 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

A Prefeitura de Campo Grande publicou nesta semana novas medidas de prevenção à pandemia da Covid-19. A decisão foi tomada após reunião com representantes do comércio e da Secretaria de Saúde, por conta do aumento do contágio do Coronavirus em Campo Grande.

Ficou definida a volta do toque de recolher, da meia-noite às 5 horas da manhã, a partir desta sexta-feira (27), até o dia 11 de dezembro, aumento da fiscalização realizada pela Semadur, Vigilância Sanitária e Guarda Civil Metropolitana para cumprimento do decreto e oferta de novos leitos de UTI.

“Estamos tomando medidas técnicas, estudadas diariamente pela nossa equipe, com base no número de pessoas infectadas e a capacidade que temos de leitos para atender estes pacientes. É importante também a conscientização da população, que precisa manter os cuidados, usando máscara, álcool e gel e garantindo o distanciamento mínimo necessário. São medidas simples, mas eficazes para preservar a saúde da nossa população e a economia da cidade”, declarou o prefeito Marquinhos Trad.

Nos últimos dias, a equipe técnica da Secretaria de Saúde observou um aumento expressivo da contaminação de pacientes mais jovens, entre 20 e 39 anos. “Hoje, de cada 100 testes, 30% dão positivo. Este percentual, até alguns dias atrás, era de 23% a 25%. Nossa preocupação é que daqui a pouco estes jovens passem a contaminar avós, pais, tios, de 60 anos ou mais, criando a necessidade de mais leitos e até o aumento da letalidade”, explicou o secretário de Saúde, José Mauro.

Ele ressalta que a Secretaria de Saúde está analisando os números diariamente e, prevendo necessidade de aumento da oferta de UTI, já está preparando para as próximas semanas a efetivação de novos leitos para atendimento de pacientes com Covid-19.

Levando em consideração que não houve aumento da média móvel de mortalidade, apesar de aumento da positividade dos testes – refletindo principalmente entre jovens, o horário do comércio não será alterado. Por enquanto, também não haverá alteração no sistema do transporte público coletivo, sendo mantido o uso obrigatório de máscara.

Prefeitura oferece testes gratuitos

Desde o mês de julho, todas as unidades de saúde da Capital contam com o teste rápido, que é realizado com uma gota de sangue a partir do 8° dia de sintoma. “Se tiver coriza, febre alta, dor de garganta ou qualquer outro sintoma gripal, o paciente pode procurar a unidade de saúde, onde passará por consulta e realizará o teste, que tem o resultado em até 20 minutos”, explica o secretário municipal de saúde, José Mauro Filho. 

Para a realização desse exame, não é necessário nenhum agendamento, sendo feito assim que o profissional de saúde avaliar o paciente e considerá-lo como suspeito de infecção pela Covid-19. 

Considerado padrão ouro no diagnóstico da doença, o exame de RT-PCR também está disponível para os pacientes da rede, sendo realizado em doze unidades de saúde, mediante agendamento. Para a realização do exame, é necessário que o paciente vá até um dos locais onde a coleta é feita, e, assim, terá horário marcado para o dia seguinte. 

O RT-PCR é realizado nas Unidades de Saúde da Família (USFs) Batistão, Parque do Sol, 26 de Agosto, Tiradentes, Dona Neta, Moreninha, Vila Nasser, Oliveira, Nova Bahia, São Francisco, Aero Itália e Albino Coimbra. Todos os exames são feitos de segunda a sexta-feira.


Voltar


Comente sobre essa publicação...