Semana On

Quinta-Feira 26.nov.2020

Ano IX - Nº 420

Campo Grande

‘Totalmente aprovado’, avalia diretor-executivo da CBV sobre Guanandizão reformado e modernizado

Nesta sexta, ginásio sedia mais um confronto pela Supercopa de Vôlei 2020

Postado em 04 de Novembro de 2020 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O diretor-executivo da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), Radamés Lattari Filho, aprovou e teceu elogios à estrutura do novo Ginásio Poliesportivo Avelino dos Reis (Guanandizão), além de o projetar como palco de eventos de grande magnitude, dentre eles a Liga das Nações de Vôlei em 2021. Com investimento de R$ 1,881 milhão, o complexo foi amplamente reformado e modernizado pelo Governo do Estado de Mato Grosso do Sul e Prefeitura Municipal de Campo Grande, e voltou à ativa após sete anos com portões fechados.

O ex-treinador e atual dirigente da entidade que administra o vôlei nacional esteve na Capital sul-mato-grossense na última semana para acompanhar a disputa masculina da Supercopa de Vôlei 2020. A competição, reunindo duas potências da modalidade no país, EMS Taubaté Funvic (SP) e Sada Cruzeiro (MG), vencida pela equipe paulista, reinaugurou o principal ginásio coberto de Mato Grosso do Sul na sexta-feira (30.10).

“É muito importante para o voleibol brasileiro ter uma praça a mais, principalmente nas condições apresentadas por esse ginásio hoje, com excelente iluminação, de primeiro mundo. Isso sem contar o amplo espaço, que dá conforto tanto ao público, quanto aos atletas dentro de quadra. Sem dúvidas, o ginásio tem condições de receber qualquer evento de nível internacional, está totalmente aprovado e pronto para, no ano que vem, sediar a Liga das Nações”, destaca Lattari Filho.

O diretor-executivo da CBV ainda avalia positivamente a organização da Supercopa em Campo Grande, primeiro evento esportivo com público do país, que seguiu à risca protocolos de biossegurança contra a Covid-19. A equipe de trabalho foi composta por profissionais da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte), Fundação Municipal de Esportes (Funesp) e Federação Estadual de Voleibol (FVMS).

No total, foi permitida a entrada de 600 pessoas convidadas para assistir a disputa. “As medidas de segurança foram tomadas desde a chegada das delegações. O Governo, Prefeitura e FVMS estão de parabéns, porque cumpriram tudo o que solicitamos em termos de segurança ao público e aos clubes. Ficamos encantados com a organização do evento, principalmente os atletas, que se sentiram muito seguros em realizar a partida. Foi um grande espetáculo, com certeza”, pontua Lattari Filho.

Quem também esteve na Capital de Mato Grosso do Sul foi o técnico da seleção brasileira masculina de vôlei, Renan Dal Zotto, para observar jogadores de Taubaté e Cruzeiro, de olho na próxima convocatória. Para ele, Campo Grande é um modelo a ser seguido no que se refere à liberação de público para eventos esportivos no Brasil, com medidas sanitárias.

“Essa é a primeira competição com público das equipes que estão jogando a Superliga, mesmo respeitando os protocolos sanitários e com limitações. É muito importante para o atleta e ao espetáculo. É muito bom saber que o público está aqui torcendo e vendo um bom jogo. É outro clima e a organização do evento em Campo Grande está de parabéns, porque o público se comportou muito bem a todo momento, respeitando as orientações, isso é muito legal”, assegura o técnico.

Dal Zotto ressalta que a todo momento esteve junto aos atletas e membros da comissão técnica das equipes paulista e mineira, durante a concentração para a decisão da Supercopa. “Tive a oportunidade de me reunir com as duas equipes, e todos ficaram muito felizes de estarem em Campo Grande, satisfeitos especialmente com a seriedade adotada no cumprimento dos protocolos de biossegurança”.

Agora, definitivamente aprovado para receber outros grandes eventos esportivos, o Guanandizão já possui o próximo confronto marcado. Será a disputa da Supercopa de Vôlei 2020 entre as equipes femininas Dentil/Praia Clube (MG) e Sesc Flamengo (RJ), nesta sexta-feira, 6 de novembro, às 20h30 (horário de MS).


Voltar


Comente sobre essa publicação...