Semana On

Quarta-Feira 16.out.2019

Ano VIII - Nº 367

Mato Grosso do Sul

Dourados ganhará mais três escolas técnicas no ano que vem

Centros vão formar três mil técnicos de nível médio e tecnólogos de nível superior por ano.

Postado em 07 de Novembro de 2014 - Redação Semana On

Os três centros juntos vão formar pelo menos três mil técnicos de nível médio e tecnólogos de nível superior por ano, em todas as áreas das atividade econômica. Os três centros juntos vão formar pelo menos três mil técnicos de nível médio e tecnólogos de nível superior por ano, em todas as áreas das atividade econômica.

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Em 2015 Dourados ganha mais três centros de formação e se consolida como um dos centros de excelência de capacitação profissional do Brasil. Estão em construção na cidade uma unidade do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), um Centro de Formação Profissional do Programa Brasil Profissionalizado e um centro de excelência em educação profissional rural do Senar voltado para a área de cana-de-açúcar. Os três centros juntos vão formar pelo menos três mil técnicos de nível médio e tecnólogos de nível superior por ano, em todas as áreas das atividade econômica.

O centro com obras mais adiantadas é o campus do IFMS, na Rua Filinto Muller, nº 1790, no bairro Jardim Canaã I.  Está em fase final num terreno de 50 mil m² doado pelo município. O investimento do Governo Federal nas obras e equipamentos é estimado em R$ 7 milhões.

A previsão é de que o IFMS forme pelo menos 1.200 técnicos e tecnólogos na nova unidade. Para a formação do quadro de pessoal serão contratados inicialmente 105 novos servidores públicos federais. São 60 professores e 45 técnico-administrativos, com seleção feita por meio de concurso público. A iniciativa faz parte do programa de expansão da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica do Ministério da Educação (MEC).

O Centro de Formação Profissional do Programa Brasil Profissionalizado está sendo construído pelo Governo do Estado, através do Programa MS Forte 2, com recursos do Governo Federal, em área doada pela Prefeitura, situada ao lado do Parque Ambiental Rego D’Água “Primo Fioravante Vicente”. Serão investidos R$ 8,7 milhões no centro, na construção e na compra de equipamentos.

O centro terá 12 salas de aulas, seis laboratórios básicos, auditório, biblioteca, refeitório e área de convivência, quadra poliesportiva coberta, e dois grandes laboratórios. Inicialmente oferecerá aproximadamente 500 vagas para o ensino médio integrado à educação profissional, formando técnicos para várias áreas. O programa Brasil Profissionalizado visa fortalecer as redes estaduais de educação profissional e tecnológica.

O Centro de Excelência em Educação Profissional e Assistência Técnica Rural de Cana-de-açúcar de Dourados será construído pelo Senar dentro do Parque de Exposições João Humberto de Carvalho. Tem por meta oferecer um curso técnico de nível médio até 2016. Serão formados pelo menos 100 técnicos por ano. Além disso, o centro vai qualificar produtores e trabalhadores rurais.


Voltar


Comente sobre essa publicação...