Semana On

Terça-Feira 22.set.2020

Ano IX - Nº 411

Legislativo

Primeiro semestre foi de trabalho e bons resultados no mandato Eduardo Romero

Com característica plural, o mandato trabalhou com atendimentos na área de cultura, meio ambiente, educação, saúde e ações sociais

Postado em 31 de Julho de 2020 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O primeiro semestre deste ano foi, para todos, um desafio no que diz respeito aos atendimentos nas questões de políticas públicas. Janeiro e fevereiro, antes da pandemia, os atendimentos presenciais foram mais constantes e a partir de março foram adotados outros modelos, como forma de prevenção ao coronavírus. Nem por isto o mandato Eduardo Romero (Rede) deixou de cumprir o papel de fiscalizador, mediador e colaborativo. Inclusive, o parlamentar foi relator da Lei de Diretrizes Orçamentárias para o exercício 2021 (LDO).

Com característica plural, o mandato trabalhou com atendimentos na área de cultura, meio ambiente, educação, saúde e ações sociais. Foram 161 ofícios enviados para o poder executivo, suas secretarias e autarquias, sendo 35% para a Sisep, outros 16% foram para a Semadur, encaminhados 14% para a Agetran, ainda 9% para a Câmara Municipal e outros 26% para outros órgãos e entidades como o Ministério Público Estadual e empresas que administram serviços públicos por meio de concessão.

Entre as ações, foi lançado o Sarau de Trocas, que é uma oportunidade de encontro, trocas de produtos e serviços, foco na sustentabilidade e incentivo para talentos artísticos locais. O Sarau está com as edições suspensas, devido a pandemia de coronavírus porque reunia muitas pessoas, todo primeiro domingo de cada mês.

Na área ambiental, o parlamentar apoiou e participou da campanha contra o desmatamento para construção de estacionamento no Parque dos Poderes. Eduardo Romero reforçou na época, em audiência pública sobre o tema, que o governo do estado poderia estudar alternativas, como estacionamento vertical e, assim, preservar corredores ecológicos e habitat de fauna e flora. Posteriormente, a intenção da obra que foi barrada na Justiça.

Ainda na questão ambiental, Eduardo Romero vinha realizando reuniões desde fevereiro sobre a implantação do novo aterro sanitário da Capital, uma vez que o que está em operação na região do Dom Antônio Barbosa já está no limite. Com a possibilidade de três áreas apresentadas pela empresa que opera o serviço de coleta, destinação e tratamento na cidade, vários questionamentos sobre viabilidade foram apresentados.

Em julho o parlamentar se reuniu com moradores da região da MS-040 que apresentaram suas preocupações que são as mesma do vereador, quanto as três áreas apresentadas para implantar aterro sanitário.  Ele explicou que são vários os processos até a implantação, inclusive audiência pública na Câmara Municipal.

Também fez visitas técnicas em áreas que sofreram degradação como a voçoroca provocada em uma área dentro do Hospital São Julião, por conta de problemas externos de drenagem. Também visitou a convite de moradora área de proteção ambiental, no bairro Zé Pereira, conhecida como mata dos quatis e pediu serviços públicos para proteção do local que há anos sofre, por exemplo, ações de incêndios na vegetação.

Eduardo Romero também pediu revitalização das esculturas que representam o Lago do Amor, que apresentam risco de cair, devido as grandes rachaduras nas estruturas. Ofício foi encaminhado para a Sectur pedindo providências urgentes, para salvar a obra de Pedro Guilherme, que tem grande valor cultural e turístico para a região.

Outro ponto importante de auxílio, é o Fundo de Investimentos Sociais, que consiste na indicação de verba para que instituições da área da saúde e assistência social possam desenvolver seus trabalhos nas comunidades. Este ano, Eduardo Romero indicou 25 instituições.

No primeiro semestre, ainda antes da pandemia, o gabinete Eduardo Romero se transformou em ponto de coleta da Campanha Tampinhas de Amor, que é coordenada na Capital por Caio Henrique Romero. O objetivo é juntar o máximo possível de tampinhas rígidas de plástico, do tipo das de garrafa pet, para venda e o dinheiro ser destinado pra casas de apoio que atendem familiares de pacientes atendidos pelo Hospital de Câncer de Barretos. Saiba mais acessando a página do facebook: Diário do Caio Henrique.

Também foi instalado na Câmara Municipal o Parlamento Jovem. Eduardo Romero é coautor da lei municipal que o instituiu na Casa de leis da Capital. Pela lei, alunos de escolas públicas municipais concorrem a uma das 29 vagas por meio de redação, que é avaliada por corpo técnico de docentes. Escolhidos, passam por processo de votação entre eles para eleição da Mesa Diretora. O gabinete do vereador Eduardo Romero ficou tutor do jovem parlamentar Gabriel Ramos Brandão, da Escola Prof. Múcio Teixeira Junior, que foi eleito 2º vice-presidente. Devido a pandemia, os trabalhos do Paramento Jovem foram suspensos.

Período pandemia

Em março a Organização Mundial da Saúde (OMS) decretou situação de pandemia do novo coronavírus. No mesmo mês a Câmara Municipal criou, por meio de resolução, a Comissão Especial em apoio ao Combate ao COVID -19, com objetivo de apoiar o Poder Executivo nas ações e programas de prevenção e combate à disseminação do coronavírus. Eduardo Romero compõe esta comissão e tem conduzido pela Casa, junto com o vereador Lívio, todas as quartas-feiras, live sobre o tema coronavirus. Atualizações de decretos, boletins e debatido o tema com convidados de diversos setores como saúde, economia, educação, assistência social, entre outros.

No mês de março também iniciou a Campanha Nacional de vacinação contra a gripe na cidade. A Câmara Municipal de Campo Grande também deu sua parcela de contribuição disponibilizando veículos, colaboradores e combustível para transportar técnicos da Sesau para vacinar idosos acamados. Eduardo Romero coordenou pela Comissão especial esta logística e também fez transportes de trabalhadores da saúde.

Com a pandemia diversos setores sofreram impactos sociais e econômicos. Um dos primeiros a sofrer medidas restritivas porque a atividade aglomera foi o da economia da cultura como músicos, atores, famílias circenses. Diante da situação destes trabalhadores, o vereador Eduardo Romero fez a mediação com o poder público municipal (prefeito e Sectur) para que fosse viabilizado auxílio. Outro setor que também procurou o mandato foi o de transporte escolar, uma vez que as aulas nas escolas públicas estão suspensas. O parlamentar também foi contra a diminuição dos salários dos professores convocados na Rede Municipal de Ensino (Reme), por conta da suspensão das aulas presenciais.

Diante da dificuldade inicial de encontrar máscaras descartáveis como forma de proteção contra o coronavírus, a parlamentar lançou campanha para arrecadar tecido e elástico, além de mão de obra voluntária de costureiras, para confecção de máscaras de tecido. A campanha foi um sucesso e beneficiou muitas pessoas e entidades das áreas social e de saúde.

Ao mesmo tempo que incentivou a produção de máscaras de tecido, Eduardo Romero também sempre enfatizou sobre o uso correto, higienização e sobre o descarte, pois ficou comum encontrar este equipamento de produção individual descartado de forma irregular, nas ruas.

Uma das formas de orientar as pessoas quanto a importância do distanciamento social, uso de máscaras, higienização das mãos, o sair de casa se necessário, foi lançada neste semestre a campanha #eucuido. Pensada e elaborada de forma voluntária, a campanha Eu Cuido tem diversos formatos para que as informações cheguem ao maior número de pessoas possíveis: são ações na internet, vídeos e ainda adesivos em veículos com mensagens. Para ter acesso aos materiais, basta acessar as redes sociais do parlamentar.

A tecnologia tem sido uma importante aliada neste período de pandemia, por meio das transmissões ao vivo pelas plataformas digitais a Câmara Municipal não paralisou as sessões ordinárias, os trabalhos continuaram e com a participação da população. Também foram transmitidas três audiências públicas realizadas pela Planurb e presidida pelo vereador Eduardo Romero para tratar das leis de regulamentação do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano Ambiental (PDDUA) de Campo Grande.

Para manter os atendimentos o mandato do vereador reforçou as ações pelos canais digitais. A comunicação com a população se intensificou pelo whats e facebook, toda sexta-feira Eduardo Romero realiza live com a presença de convidados para tratar de assuntos de interesse público.


Voltar


Comente sobre essa publicação...