Semana On

Domingo 01.nov.2020

Ano IX - Nº 417

Cultura e Entretenimento

5 filmes, livros e séries sobre pandemias longe de se tornarem reais

De Guillermo del Toro a Bong Joon-Ho, a ficção está recheada de obras trash e cults sobre catástrofes provocadas por vírus bizarros. Confira nossa lista

Postado em 22 de Abril de 2020 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

A essa altura da quarentena, você já deve ter visto (ou revisto) o thriller Contágio, de 2011, que narra o estrago causado por um vírus com rápida transmissibilidade, enquanto cientistas se apressam para encontrar uma vacina e a sociedade vira um caos. Também deve ter visto que o escritor Stephen King usou um capítulo de A Dança da Morte, publicado em 1978 e transformado em série em 1994, para explicar como uma pandemia se espalha — ainda que tenha assegurado que a Covid-19 não é tão letal quanto o vírus descrito por ele na história, que dizima 99% da população. Que tal, então, dar um respiro e se entreter com histórias que farão nossa realidade atual não parecer tão estranha?

1. Trilogia da Escuridão (livros e série de TV)
Criada pelo cineasta mexicano Guillermo del Toro em parceria com o norte-americano Chuck Hogan, a série de 2009 narra o surgimento de um vírus fatal em Nova York. Mas a doença que ele provoca é algo nunca visto antes: transforma as vítimas em vampiros, loucos por sangue. Cabe ao protagonista, o médico do Centro de Controle de Doenças Ephraim Goodweather, encontrar uma cura para a doença. O nível de detalhes e a abordagem biológica e científica da temática vampiresca tornam a história horripilante. Em 2014, ganhou uma adaptação para TV, em uma série com quatro temporadas.

2. O Enigma de Andrômeda (livro, filme e minissérie)
Quando um satélite militar enviado para coletar organismos extraterrestres sai de órbita e cai próximo a uma cidadezinha do Arizona, ele libera um vírus alienígena que mata toda a população, com exceção de um bebê e um idoso alcoólatra. O governo dos Estados Unidos mobiliza um projeto de emergência ultrassecreto para tentar entender e conter a crise. No entanto, o vírus prova ser diferente de tudo que já haviam visto, levando a uma catástrofe mundial. O livro, escrito por Michael Crichton e publicado em 1969, foi adaptado para o cinema em 1971 e virou uma minissérie em 2008.

3. O Hospedeiro (filme)
Do diretor coreano Bong Joon-Ho, que venceu o Oscar de 2020 por Parasita, o longa mistura suspense com humor e revitaliza o gênero “filmes de monstro”. Na trama, cientistas dos Estados Unidos despejam uma substância tóxica que gera um mutante poderoso que aterroriza os habitantes da região. Tudo se complica ainda mais quando as autoridades alegam que ele também carrega um vírus letal. Lançado em 2007, está disponível na Netflix.

4. O Exército do Extermínio (filme)
O longa de 1973 é loucura pura, como o título em inglês, The Crazies, sugere. Nele, a queda de um avião que transportava uma arma biológica contamina a água de uma pequena cidade da Pensilvânia com um vírus que faz as pessoas agirem violentamente. O exército é chamado para interferir e tentar conter a situação, mas não poupa violência para acabar com a violência.

5. Sentidos do Amor (filme)
Não tão violento ou esquisito, este longa de 2011 não deixa de ser trágico. Na história, uma epidemiologista em crise com o amor se apaixona por um chefe de cozinha. Na medida em que a paixão aumenta, uma pandemia que faz as pessoas perderem os cinco sentidos assola a sociedade.


Voltar


Comente sobre essa publicação...