Semana On

Sábado 08.ago.2020

Ano IX - Nº 405

Saúde

Como fazer máscaras em casa e o quanto elas são eficazes contra o coronavírus

É recomendado que elas sejam confeccionadas em casa apenas como último recurso

Postado em 27 de Março de 2020 - Kristen Aiken - Huffpost

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Diante da pandemia de coronavírus, as máscaras utilizadas tanto por profissionais de saúde e por pessoas infectadas estão sendo utilizadas no mundo todo - o que desencadeou a escassez de insumos deste tipo. 

João Gabbardo dos Reis, secretário-executivo do Ministério da Saúde, em coletiva de imprensa realizada no último dia 24, afirmou que o governo federal está ciente da escassez de materiais em hospitais e unidades básicas de saúde, mas disse que “o Ministério da Saúde não faz mágica”.

Gabbardo também orientou que pessoas sintomáticas, que precisem usar máscaras, optem por alternativas e deixem o uso das máscaras produzidas pela indústria para os profissionais de saúde. 

“A máscara, para a população, para as pessoas que querem, porque estão sintomáticas, impedir contaminar outras pessoas, é uma barreira física. Faz com pano. Quem não tem outra alternativa, faz com pano. Pega um tecido, coloca um elástico”, disse. 

O uso da máscara não é necessário para pessoas que estão sem sintomas da covid-19. “Vamos deixar as máscaras que têm registro, que são aprovadas pela Anvisa para serem utilizadas pelos hospitais, pelos profissionais da área da saúde”, recomendou o secretário.

No último dia 21, quando solicitada a se posicionar sobre a escassez nacional de máscaras nos Estados Unidos, a Casa Branca não disse quando profissionais de saúde em todo o país receberiam máscaras protetoras.

Por lá, o designer Christian Siriano, famoso pelo reality show de moda Project Runway, disse que sua empresa está disponível para produzir máscaras de pano. Assim como ele, outros designers e artesãos norte-americanos publicaram tutoriais de como fazer a própria máscara tanto para uso pessoal - ou realizar algum tipo de doação a entidades de saúde.

Se você possui uma máquina de costura, essa é uma maneira de ajudar. Mas antes é preciso entender alguns pontos fundamentais sobre esta questão.

Primeiro, entenda que se você não estiver doente, provavelmente NÃO precisará usar uma máscara.

Diante da escassez deste tipo de insumo no sistema de saúde, é dever da população ter responsabilidade com estes suprimentos, principalmente, deixando de comprá-los.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda que, se você estiver saudável, você só precisará usar uma máscara se estiver cuidando de uma pessoa suspeita de ter covid-19 ou se estiver tossindo ou espirrando.

A OMS também nos lembra que as máscaras só são eficazes quando usadas em combinação com a lavagem frequente e adequada das mãos. E, se você usa uma máscara, deve saber como usá-la e descartá-la adequadamente.

Qual a eficácia das máscaras caseiras?

Existem dois tipos de máscaras faciais que podem ajudar a reduzir suas chances de contrair o coronavírus: máscaras cirúrgicas simples, e os respiradores, os quais também são conhecidas como máscaras N-95.

Os que você vê em notícias sobre a pandemia são máscaras cirúrgicas e o que médicos, dentistas e enfermeiros geralmente usam ao tratar pacientes. Elas são folgadas e relativamente finas, de modo que pequenas gotas ainda podem penetrar nas partes da máscara e não são necessariamente à prova de falhas.

Já as N95 ou respiradores, comumente usados ​​por trabalhadores da construção civil, mas também usados ​​por médicos que atendem pacientes que contaminados não só por coronavírus. Essas máscaras filtram cerca de 95% das partículas transportadas pelo ar, incluindo vírus e bactérias.

O CCPD (Centros de Controle e Prevenção de Doenças), nos Estados Unidos, apontam que as máscaras podem ser feitas em tempos de crise como último recurso e “devem ser usadas idealmente em combinação com um escudo facial que cubra toda a frente (que se estende até o queixo ou abaixo) e os lados do rosto.”

Um estudo de máscaras faciais caseiras da SmartAirFilters.com descobriu que camisetas de algodão e fronhas de algodão são os melhores materiais para fazer máscaras faciais em casa, com base em sua capacidade de capturar partículas e ainda assim permanecer respiráveis, e que elas têm um desempenho comparável às máscaras de grau cirúrgico.

1. Sobre produzir máscaras para uso pessoal

Se você deseja tomar  precaução extra e usar uma máscara facial quando não estiver doente, a melhor coisa a fazer é costurar uma máscara para si mesmo - não compre uma. Caso o faça, estará contribuindo para a escassez.

Reunimos abaixo alguns tutoriais simples para fazer máscaras caseiras e de uso pessoal, que protegem contra gotículas respiratórias. Lembre-se de que as bordas da máscara devem ficar bem ajustadas à pele.

Leia atentamente as instruções e escolha um modo de fazer que se adapte às suas habilidades de costura e aos materiais disponíveis:

A artista Juliana Sohn, da Coreia do Sul, explica como fazer:

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

I know many people are busy mask making right now. In case you are stuck at home and wanted to make one, here’s an easy one I found online. These step by step photos should make it self explanatory to make, but let me know if you have questions. I left the side slot open because I was going to use it to slide in a filter to add extra protection to this two-ply, 100% cotton mask. I’ve read online that hepa vacuums bags can be cut up and used as mask filter. It’s hardcore DIY time folks! I used the small size to make this one and it fit my son, who is 5’9”, comfortably. It fit me too and I’m 5’3”. Link to the Fu Face Mask pdf pattern is in my bio. Note: These cloth masks are not intended to replace surgical masks or N95 masks. Any hospital that has requested homemade masks has no intention of using them to fight covid 19. They are put to use in other parts of the hospital. Since so many of us could be infected, asymptotic spreaders or carriers it’s so important that we all wear a mask when we go outside. . . . . . #masks #fufacemask #quarantine #covid-19 #coronavirus #makemasks #millionmaskmarch #facemask

Uma publicação compartilhada por Juliana Sohn (@juliana_sohn) em

O tutorial da marca de roupas norte-americana “State the Label”:

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Like so many others, we are rallying to sew masks for our local healthcare providers. Our seamstress Amanda has been meeting with ER nurses at the local hospital and worked together to design a mask that works for them. These are just made out of fabric (ideally cotton jersey or a cotton woven) along with some thin elastic for straps, and can be easily sewn on home sewing machines. They are not medical grade but are better than no protection at all - which sadly is what many hospitals are now facing. We whipped up a pattern and have it available for download on our website. I will link to it here in our profile. Please feel free to print these out, follow directions, and sew as many masks as you can for your local Hospitals. Starting Monday we will also have bags of scraps and supplies available outside our studio. Follow the link to read all the details and please feel free to share. thank you @tincup and AK for making this happen so quickly. we set up a link on the page where you can donate if you wish. All proceeds go directly to our seamstresses who would love the extra work right now.

Uma publicação compartilhada por STATE the label (@statethelabel) em

O tutorial da ONG Freesewing.org

2. Sobre produzir máscaras para uso médico

Se você é especialista em costura e deseja ajudar hospitais locais, pode fazer grandes lotes de máscaras em casa. Mas existem requisitos específicos que devem ser atendidos para que elas sejam aceitáveis para uso médico, portanto, siga-os. Caso contrário, seu trabalho pode ser inútil. 

É sempre melhor entrar em contato com a equipe do hospital para ver se eles estão recebendo doações - alguns locais nem sequer permitem doações de equipamentos de proteção individual e outros têm especificações detalhadas para as máscaras faciais que podem receber. 

Os tutoriais a seguir são para máscaras que foram recentemente aceitas pelos hospitais - especialmente no Estados Unidos.

Tutorial da ‘Sew It Online’:

Nota: Como muitos usuários observaram nos comentários do vídeo acima (clique aqui para ver o padrão), é melhor não inverter a máscara e usá-la do avesso, como sugerido.

Tutorial da ‘A Crafty Fox’:

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

This week included a plague & an earthquake but I’m done wallowing because people need my help. And keeping busy helps me. The US needs tens of thousands of cloth masks. Hospitals, nursing homes, everyone needs masks. I know my tribe, and when things get tough, we all pitch in. I’ve shared a tutorial in my stories for a useful mask based on my research. Many hospitals are posting tutorials asking for handmade mask donations & the CDC guidelines recommend their use in the absence of N95 masks. So, can you help? Hospitals are recommending high thread count materials (think sheets & pillowcases!) with a flannel lining, my research shows 6 layers of gauze has been used with success in the past, and even t-shirt material has been found to be useful at decreasing the contagion. so whatever you have on hand, I’d like to start a mask drive. @thesocorrofoundation, the group working with migrants at the border, has requested 3k masks. Multiple hospitals are asking for as many as they can get for both frontline medical staff & patients. As soon as my kids finish homeschool for today, I’ll put addresses of organizations looking for masks on my blog (acraftyfox.net). My goal is to coordinate an effort that gets 5,000 masks into the hands of those who need them. If 500 people each make 10, we will do exactly that! You can help by sewing masks, spreading the word to other seamstresses & teaching out to health care providers to find if there is a need in your area. Who’s in?! #inthistogether #coronavirus #maskshortage #makesomethinggoodtoday #helpinghands #makelifebeautiful #makersgonnamake #quiltersofinstagram

Uma publicação compartilhada por Amanda (@a.crafty.fox) em

 


Voltar


Comente sobre essa publicação...