Semana On

Sábado 28.nov.2020

Ano IX - Nº 421

Cultura e Entretenimento

Happy hour por chamada de vídeo, festa de aniversário em transmissão ao vivo, embaixadinha com papel higiênico…

Brasileiros não deixam o isolamento impedi-los de ver os amigos e ter momentos de lazer

Postado em 26 de Março de 2020 - Pedro Prata – Estadão

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O período de isolamento recomendado por autoridades sanitárias e médicas para conter o novo coronavírus avança e todos procuram maneiras de se manterem ocupados, se distraírem e até rever os amigos sem sair de casa.

O happy hour é o momento de reunir os colegas de trabalho para espairecer. E se a firma foi transportada para dentro de casa, por que não também mudar a forma de se reunir com os amigos? Foi assim que brasileiros decidiram fazer as confraternizações por meio de chamadas de vídeo.

Há até quem tenha conseguido reunir amigos em diferentes continentes.

O aniversário é outra ocasião na qual gostamos de reunir as pessoas queridas. E nesses tempos de isolamento não tem sido diferente. Alguns usaram suas redes sociais para poder transmitir ao vivo o parabéns e o apagar da vela. 

Este carioca teve direito bexigas, decoração e cortou o bolo ao som da música de parabéns da Xuxa.

Os atletas confinados não deixaram sua paixão de lado. Muitos gravaram vídeos no qual fazem embaixadinhas ou jogam vôlei com um rolo de papel higiênico.

ara quem está com os filhos em casa, a dica é propor diversão em família com jogos de tabuleiro. Além da diversão, eles podem ajudar a exercitar a criatividade, o pensamento lógico e a cooperação, explica Rafaela Jorge de Oliveira, coordenadora do Núcleo de Atividades Complementares (NAC) do Colégio Marista Glória.

“O uso dos jogos estimula novas formas de pensar, fortalecendo e treinando a cognição”, diz Oliveira. “Fora do ambiente escolar, os pais podem buscar conhecer jogos educativos que são ideais para ser jogados em casa.”

Benefícios dos jogos de tabuleiro

- Ajudam no desenvolvimento cognitivo e social: habilidades sociais podem ser aperfeiçoadas com o uso de jogos, ajudando a integrar a criança ao coletivo. Elas também aprendem a seguir regras e compartilhar com os outros. Habilidades cognitivas, como reconhecer números e padrões e até calcular estimativas, podem ser aprendidas.

- Incentivam a interação social: a maioria dos jogos é projetada para ser jogada em grupo, isso ajuda a evitar a solidão e a construir relações positivas.

- Promovem a reunião em família: alguns jogos são desenhados especialmente para serem jogados em família. Essa é uma grande oportunidade para todos se reunirem e participarem de algo juntos, longe de TVs, celulares ou tablets.

- Reduzem a ansiedade: jogar ajuda a manter o equilíbrio mental e a relaxar. Isso porque os jogos promovem a imaginação, sendo possível se envolver na narrativa que está sendo criada, como construir civilizações ou ferrovias.


Voltar


Comente sobre essa publicação...