Semana On

Quinta-Feira 01.out.2020

Ano IX - Nº 412

Campo Grande

Governo amplia projeto do Jardim Morumbi e mais ruas serão asfaltadas

Capital irá receber investimento superior a R$ 180 milhões em infraestrutura

Postado em 24 de Março de 2020 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O Governo do Estado ampliou o projeto de drenagem e pavimentação das ruas do Jardim Morumbi em Campo Grande e com isso, vai levar mais qualidade de vida para os moradores do bairro que fica as margens da Avenida Interlagos, região urbana do córrego Bandeira.

A proposta inicial contemplava apenas as ruas Platina, Mario Carrato, Campo Belo e Dom Duarte da Costa. Com a ampliação do projeto, as ruas Avenca, Campo Belo, Dom Duarte da Costa, Platina, Mário Carrato e Luziania também receberão pavimentação asfáltica.

Os recursos para execução da obra totalizam R$ 1,5 milhão. Sendo, $ 500 mil do Governo Federal, através do Sudeco, e R$ 1 milhão de contrapartida do Governo do Estado, afirmou o secretário especial de Gestão Política de Campo Grande, Carlos Alberto de Assis.

“Sabemos que há mais de 20 anos as famílias que moram na região sofrem, especialmente nos períodos de chuvas. Essa é uma conquista desses moradores que esperaram por tanto tempo e agora terão praticamente todo bairro asfaltado”, pontuou Assis.  

Governo Presente

Diversas obras em Campo Grande integram o Governo Presente, lançado pela gestão estadual de Mato Grosso do Sul. A Capital irá receber investimento superior a R$ 180 milhões em infraestrutura, além de centenas de milhões em saúde, esporte, cultura, infraestrutura, habitação e educação.

Os principais investimentos do Governo Presente para a Capital foram anunciados pelo governador Reinaldo Azambuja. “Primeiro: toda a revitalização da avenida Mato Grosso, que é algo extremamente importante. O Estado vai fazer essa revitalização. E também pactuamos com a prefeitura que vamos dar novo acesso às Moreninhas. É um sonho antigo das Moreninhas ter uma nova rota, um novo acesso”, afirmou Reinaldo Azambuja.


Voltar


Comente sobre essa publicação...