Semana On

Quinta-Feira 01.out.2020

Ano IX - Nº 412

Judiciário

Aula Inaugural 2020 da Escola Superior de Advocacia lota Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo

Evento marcou início do calendário de ações em prol do ensino jurídico

Postado em 06 de Março de 2020 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Sucesso: essa é a palavra que define a Aula Inaugural da Escola Superior de Advocacia (ESA) que reuniu cerca de mil pessoas e lotou o auditório do Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, na noite do último dia 4. A Diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS), representada pelo Presidente em exercício Gervásio Alves de Oliveira Júnior, Secretário-Geral Stheven Razuk e Tesoureiro Marco Rocha participaram da mesa de honra na abertura do evento.

Juntamente aos Diretores da Seccional compuseram a mesa: Diretor-Geral da ESA Ricardo Pereira, Vice-Diretor Marcelo Radaeli, Secretária-Geral Adjunta Elaine Cler e Diretor-Tesoureiro João Paulo Delmondes, Conselheiro Federal e Vice-Diretor da ESA Nacional Luiz Cláudio Alves Pereira (Bito), Secretária-Geral Adjunta da Caixa de Assistência dos Advogados (CAAMS) Janaina Pouso, Presidente do Tribunal de Ética e Disciplina Marta do Carmo Taques, Procurador-Geral do Município Alexandre Ávalo, Presidente da Comissão da Jovem Advocacia Janine Delgado e Presidente da Comissão de Direito de Família Ariane Amorim.

Em discurso, o Presidente em exercício parabenizou a gestão de Ricardo pelo “competente trabalho que tem realizado “gravando na nossa história a relevância na formação dos advogados e advogadas”.

Enfatizando o tema do evento sobre Direito de Família, Gervásio também homenageou as mulheres. “O Dia Internacional da mulher é importante porque provoca reflexões, cujo debate amplo e aberto garante o futuro de paz, harmonia e evolução humana. Representa uma data significativa de nosso processo civilizatório, visto que tem estabelecido parâmetros de conduta sobre o papel feminino em nossa sociedade, produzindo aquilo que temos modernamente chamado de sororidade, que significa aliança entre as mulheres buscando empatia a trabalho convergente. Por isso, a Diretoria da OAB vê como algo muito apropriado a escolha dos temas para abrir essa nova temporada de atividades da ESA”, destacou.

Diretor-Geral da ESA, Ricardo Pereira atribuiu ao conhecimento sua trajetória profissional. “O Direito é dinâmico e se aperfeiçoar é a única forma lícita de conseguir sucesso na nossa profissão. Sou o primeiro advogado da família e o pouco que consegui na vida foi por meio dos meus estudos, calos de minhas mãos e do meu caráter. Por isso, fomentar o ensino virou a minha meta e razão da minha existência”, declarou.

Ao fazer o uso da palavra, Bito parabenizou pela realização do evento a gestão da Escola Superior de Advocacia. Segundo ele, na qualidade de Vice-Presidente da ESA nacional tem acesso a todas as Escolas do país e seguramente afirma que a de Mato Grosso do Sul está na vanguarda. “Isso se deve ao trabalho incessante de toda a Diretoria com o apoio incondicional da OAB/MS. Nesses quatro anos à frente da ESA/MS, Ricardo Pereira mostrou qualidade rara de ser grande gestão de projetos, pensando sempre na coletividade da advocacia”, celebrou.

Palestras

Abrilhantaram a noite da Aula Inaugural da ESA os renomados palestrantes Darlan Barroso e Regina Beatriz Tavares da Silva que levaram a debate ‘Tutelas provisórias e efetividade do processo’ e ‘O Direito de Família e das Sucessões no STF: Temas e teses de repercussão geral’, respectivamente.

“A ESA/MS está de parabéns por este grandioso evento. O grande número de inscrições denota o interesse dos advogados e estudantes em ampliar os seus conhecimentos. Para mim é uma honra estar aqui”, disse Regina.

Para Darlan, a ESA em Mato Grosso do Sul é um grande orgulho para toda a advocacia. “Tem um papel primordial de atualização e levar conhecimentos aos advogados. Eventos como esse são riquíssimos, pois podemos compartilhar assuntos da atualidade e jurisprudência”, elogiou.


Voltar


Comente sobre essa publicação...