Semana On

Terça-Feira 01.dez.2020

Ano IX - Nº 421

Coluna

Canja de galinha, a comida que é o melhor remédio para a ressaca

Sim, uma canja faz milagres. Explicamos o porquê e ainda indicamos receita

Postado em 26 de Fevereiro de 2020 - Luiza Belloni – Huffpost

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Alguns dos sintomas da ressaca são fortes dores de cabeça, sensibilidade a ruídos e luminosidade, tontura, náusea, vômito, palidez, tremores e muita sede. “Quem já teve uma forte ressaca nunca esquece”, lembra a enfermeira Carolina Novoa, mestre em ciências da saúde pela Universidade de São Paulo (USP).

Novoa explica que, nos primeiros 10 minutos de ingestão de bebida alcoólica, o álcool já é absorvido e transportado pela corrente sanguínea até o fígado. Lá, ele é metabolizado em uma substância chamada acetaldeído, que é tóxica para o organismo.

Nosso corpo consegue se “autodesintoxicar”, mas se exagerarmos na dose, o corpo não dá conta de neutralizar o acetaldeído, e aí surgem os primeiros sinais de embriaguez.

“Após cerca de uma hora do início do consumo de álcool, o sistema de depuração que controla o hormônio antidiurético entra em ação e surge a forte vontade de urinar”, explica a enfermeira. “Como a pessoa não está ingerindo água, a desidratação ocorre mais rapidamente e agrava os sintomas da ressaca.”

Então, o que fazer para curar ressaca?

Se prevenir já não é mais o caso e a ressaca é realidade, o jeito é remediar a situação. E um dos alimentos caseiros que pode ser a salvação é também uma antiga receita da sua avó: a canja de galinha.

Sim, sabemos que uma cumbuca de canja bem quentinha e aconchegante não é muito convidativa em um dia de ressaca. Ela também não é exatamente uma comida comum para estes dias ― muitos preferem tomar café, um refrigerante ou devorar um hambúrguer. Porém, esta sopa contém muitos ingredientes de que seu corpo precisa.

O frango e alguns vegetais presentes na canja contêm cisteína, que ajuda a diminuir os sintomas típicos da ressaca, como enjoo, mal-estar e dor de cabeça, causados pela decomposição do álcool que o fígado faz. O caldo ainda reidrata e reabastece minerais como potássio e sódio, enquanto o carboidrato presente no arroz ajuda a dar mais ânimo e disposição.

Estudos sugerem ainda que a canja também tem compostos com efeito anti-inflamatório ― nada mal para quem está em recuperação.

Além disso, outra dica é beber muita água, água de coco, suco de laranja ou suco verde. Frutas como banana e abacate são boas opções por conter potássio.

Botando a mão na massa para a canja

Agora que você já está por dentro de todos os benefícios da canja para a ressaca, veja como fazer esta receita:

Ingredientes

  • meia colher (sopa) de óleo
  • 1 cebola picada
  • 1 talo de salsão
  • 1 peito de frango
  • 1 xícara (chá) de arroz lavado e escorrido
  • 2 tomates, sem pele e sem sementes (opcional)
  • 3 tabletes de caldo de galinha
  • 2 cenouras picadas
  • 2 batatas picadas
  • 2 colheres (sopa) de salsa picada

Como fazer

em uma panela, aqueça o óleo e refogue, a cebola e o salsão, depois acrescente o peito de frango e deixe dourar.

Junte os tomates e deixe cozinhar até que comecem a se desmanchar Adicione em seguida 1 litro e meio de água, os tabletes de MAGGI Caldo, as cenouras e as batatas. Deixe cozinhar por cerca de 15 minutos.

Junte o arroz e deixe no fogo baixo, por cerca de 15 minutos ou até que esteja cozido. Retire o peito de frango, espere esfriar um pouco e desfie-o. Junte o frango desfiado e sirva a canja polvilhada com a salsa.

Se quiser congelar, leve a sopa embalada e etiquetada ao freezer ou duplex por até 3 meses.


Voltar


Comente sobre essa publicação...