Semana On

Sexta-Feira 27.nov.2020

Ano IX - Nº 420

Campo Grande

Famílias visitam apartamentos que serão entregues este ano na Capital

A seleção das famílias e a assinatura de contratos foi realizada em 2018

Postado em 18 de Fevereiro de 2020 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Falta pouco para 192 famílias de Campo Grande realizarem o sonho da moradia própria e no último dia 16, elas puderam sentir o cheirinho de casa nova durante a visita aos apartamentos que já estão em fase final no Residencial Jornalista Armando Tibana.

As unidades habitacionais fazem parte do Programa Minha Casa Minha Vida – Entidades com recursos do Fundo de Desenvolvimento Social.

O secretário Especial de Gestão Política da Capital, Carlos Alberto de Assis, acompanhou a visita e destacou o trabalho em conjunto. “Isso aqui é resultado de uma grande parceria, governos Federal, Estadual e Prefeitura. Quando os três trabalham juntos conseguimos entregar ainda mais casas na Capital”, disse o secretário, que ainda ressaltou a importância das vistorias nas obras e o acompanhamento dos cronogramas de entrega.

A diretora-presidente da Agência de Habitação Popular de Mato Grosso do Sul (Agehab), Maria do Carmo Avesani Lopez, parabenizou as famílias e reforçou o trabalho em parceria. “Juntos podemos fazer as coisas acontecerem. E hoje, essas famílias são prova disso. Parabéns a todos que em breve terão um lar. Hoje é dia de alegria, mas nada irá se comparar com o dia em que vocês receberem as chaves de seus apartamentos”.

Dona de casa e morando há anos de aluguel, Maci Silva se emocionou quando abriu a porta do apartamento. “É a realização de um sonho depois de tanto tempo pagando aluguel saber que falta pouco para mudarmos para o nosso cantinho”.

Já o operador de máquinas Adenilson Moraes, ao lado da esposa e da filha ainda bebê, estava radiante e não escondeu a expectativa de se mudar o quanto antes. “Essa será nossa primeira moradia, nós que somos recém-casados ganhamos o nosso maior presente. Esse é primeiro de muitos sonhos que ainda iremos realizar”.

Cada unidade habitacional possui: dois quartos, sala de estar e jantar integrada, banheiro adaptável e área de serviço, num espaço interno de 47,01 m². A área comum dos residenciais será composta de playground, quadra de esportes de areia e espaço para eventos com banheiros adaptáveis.

O empreendimento é dividido em 12 blocos com 16 apartamentos de 45 m², contendo 2 quartos, sala, cozinha e banheiro adaptável. O valor do investimento é de R$ 22,2 milhões, sendo que R$ 18.689.214,82 são do Governo Federal, R$ 3.559.687,36 do Governo do Estado e o terreno do Município.

A seleção das famílias e a assinatura de contratos foi realizada em 2018 pela entidade Conssol, habilitada pelo Ministério das Cidades e com proposta aprovada pela Caixa Econômica Federal.


Voltar


Comente sobre essa publicação...