Semana On

Terça-Feira 18.fev.2020

Ano VIII - Nº 380

Mato Grosso do Sul

Governo do Estado investe R$ 5,4 milhões para ampliar rede de esgoto em Dourados

Sanesul vai executar 1.700 ligações de esgoto em dois bairros de Três Lagoas

Postado em 07 de Fevereiro de 2020 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O Governo do Estado, por meio da Agência de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul (Agesul), vai investir mais R$ 5,4 milhões para ampliar o sistema de esgotamento sanitário em Dourados. A rede de esgoto será ampliada em 23.360 metros de extensão, englobando diversas ruas no bairro Parque das Nações.

Serão construídas duas estações elevatórias de esgoto, um interceptor e duas redes coletoras, todos elementos com função de conduzir o esgoto até a estação de tratamento. A obra ainda contempla 918 ligações domiciliares, conforme o projeto de engenharia.

O extrato de contrato, entre Agesul e empresa vencedora da licitação, foi publicado nessa quinta-feira (06.02) em Diário Oficial do Estado.  O prazo para execução da obra será de 360 dias consecutivos, contados a partir dda Ordem de Início de Serviço.

Rede de Esgoto

Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul) está executando diversas obras de melhorias e ampliação do sistema de esgotamento sanitário de Dourados. Entre as obras em execução está uma nova Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), com capacidade de tratar 100 litros por segundo, além da perfuração de superpoços, e a construção de 312 metros de rede coletora de esgoto e 15.600 ligações domiciliares.

Três Lagoas

Angelo Guerreiro, prefeito de Três Lagoas, esteve reunido com a diretoria da Sanesul para apresentar novas demandas pertinentes aos serviços de saneamento. As solicitações são de ampliação da rede de esgotamento sanitário em bairros que serão beneficiados pela Prefeitura com pavimentação asfáltica.

“Dando sequência a parceria desenvolvida com a Prefeitura do Município, bairros receberão obras de esgotamento sanitário antes da pavimentação nas ruas. Isso ajuda na durabilidade dos pavimentos e evita os recortes. A Prefeitura de Três Lagoas vai pavimentar dois bairros, mas antes vamos providenciar a execução da rede de esgoto nessas localidades. A rede deve vir antes do asfalto, isso facilita o trabalho da empresa, reduz o tempo de execução da obra e os custos”, comentou o diretor-presidente da Sanesul, Walter Carneiro durante a reunião.

Acompanhando o prefeito, o gerente da regional, Adilson Bahia, detalhou no mapa a região que será contemplada.

“Estamos falando do Jardim dos Ipês e Jardim Karandá, bairros com um grande número de moradores. Um receberá asfalto novo e o outro será recapeado. São aproximadamente 1.700 ligações de esgoto no total. Em conjunto com o município, onde há previsão de construção de asfalto, nós estamos sendo informados pela Prefeitura para priorizar os serviços”, ressaltou o gerente. 

Segundo o prefeito Angelo Guerreiro, este é um alinhamento que precisa acontecer entre a empresa e a Prefeitura, para que a cidade cresça ordenadamente.

“Em projetos que envolvam a execução de obras e serviços de pavimentação, inclusive de recapeamento, é importante ter as redes de abastecimento de água e coleta de esgoto prontas. Precisamos planejar para otimizar o trabalho. Além disso, a chegada do sistema de saneamento valoriza os imóveis que não mais convivem com esgoto correndo a céu aberto”, comentou o prefeito.

Universalização do esgotamento sanitário

Três Lagoas é um município em constante e rápido crescimento. É um dos municípios com melhor cobertura de saneamento (88%) e poderá atingir a universalização muito em breve. Tal posição deverá ser alcançada após o término das obras da Estação de Tratamento de Esgoto Souza Dias, que terá capacidade de tratamento de 100 litros por segundo. Esta será a terceira unidade de tratamento da Sanesul no município, junto as outras duas estações: Jupiá e Planalto.


Voltar


Comente sobre essa publicação...