Semana On

Sexta-Feira 06.dez.2019

Ano VIII - Nº 374

Mato Grosso do Sul

Governo do Estado assina R$ 119 milhões em obras para saneamento em 16 municípios de Mato Grosso do Sul

Sanesul construirá 419 km de extensão de rede de esgoto e 23.046 novas ligações de esgoto nas cidades beneficiadas, além de outras obras complementares do sistema de esgotamento sanitário

Postado em 20 de Setembro de 2019 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O Governo do Estado avança na meta da universalização do esgotamento sanitário em todos os 79 municípios sul-mato-grossense, ao assinar neste sábado (21) contrato com a Caixa Econômica Federal (CEF) no valor de R$ 119 milhões para execução de obras de saneamento básico em 16 cidades, beneficiando mais 165 mil moradores. A assinatura dos contratos entre a administração estadual, CEF, Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul) e prefeituras será às 9h30, na sede da Sanesul em Campo Grande.

Os recursos são oriundos do Programa Avançar Cidades, programa do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR).  Do valor total, R$ 113 milhões são oriundos dessa linha de financiamento, que tem o FGTS como fonte principal de recursos, e R$ 6 milhões são de contrapartida da Sanesul.

Os valores serão investidos na construção de redes de esgoto, elevatórias, estações de tratamento de esgoto (ETE) e sistema de proteção de tubulações no Rio Paraguai, em Corumbá, além de melhorias em ETEs já existentes nos demais municípios.

Serão contemplados os municípios de Anaurilândia, Anastácio, Aral Moreira, Bataguassu, Dois Irmãos do Buriti, Figueirão, Iguatemi, Inocência, Itaporã, Japorã, Mundo Novo, Rio Brilhante, Rio Negro, Rio Verde de Mato Grosso, Ivinhema e Corumbá.

Está previsto da Sanesul construir 419 km de extensão de rede de esgoto e 23.046 novas ligações de esgoto nas cidades beneficiadas nesse programa, além de outras obras complementares do sistema de esgotamento sanitário.

Segundo o diretor-presidente da Sanesul, Walter Carneiro Junior, com esses recursos assegurados, haverá um avanço significativo nos índices de cobertura de esgoto nestes municípios operados pela estatal.

“Saneamento é fundamental para evitar a poluição, preservar a saúde das pessoas e o meio ambiente. Obra de esgotamento sanitário impacta positivamente em todo o funcionamento da cidade, com a melhora do ambiente em geral, das condições de vida, com redução da ocorrência de doenças, aumento da produtividade e da renda do trabalhador. Além disso, há uma valorização imobiliária e patrimonial. A Sanesul está entre as melhores empresas de saneamento do país, em razão de seus projetos estratégicos que impactam diretamente na saúde pública, no desenvolvimento social e no desenvolvimento econômico de Mato Grosso do Sul”, afirmou o diretor.

Para o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, a assinatura dos contratos representa um marco para a região. “Alguns municípios passarão a ter 100% do esgoto tratado, saindo de uma condição precária, sem estrutura de saneamento básico, para uma realidade com mais dignidade e saúde. São obras importantes, que vão beneficiar mais de 55 mil famílias”, explicou o presidente.

O Avançar Cidades – Saneamento – tem o objetivo de promover a melhoria do saneamento básico do país. A Sanesul cadastra seus projetos, mas o processo seletivo dos municípios é conduzido pelo Ministério das Cidades. Os recursos da Sanesul são viabilizados por meio de contratação de crédito junto à Caixa Econômica. Depois de aprovados, são formalizados os contratos com os municípios.

Na primeira etapa, que ocorreu em 2018, 16 municípios de Mato Grosso do Sul foram contemplados com o montante de R$ 190 milhões.

Este ano, mais 16 cidades foram contempladas no Programa Avançar Cidades – Seleção Contínua.  Um total de R$ 119 milhões em investimentos. 

A Sanesul deverá anunciar uma nova etapa, com mais 14 cidades que receberão recursos para implantação ou ampliação do sistema de esgotamento sanitário, no total de R$ 136 milhões.


Voltar


Comente sobre essa publicação...