Semana On

Quinta-Feira 14.nov.2019

Ano VIII - Nº 371

Cultura e Entretenimento

Loucuras e amores são temas de peça que reestreia em setembro

Ambientada nos anos 1980, montagem aborda os conflitos que o amor desperta em um jovem casal que descobre sua essência em um momento de separação

Postado em 06 de Setembro de 2019 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

"Amor", essa palavra com tanto significado e que, apesar de traduzida em tantas línguas, é difícil de se compreender, intitula a montagem do Grupo Casa, que reestreia em 12 de setembro, às 20 horas, na sede do grupo. "Amor 1980" é livremente inspirada nos romances "Eu Sei Que Vou Te Amar" de Arnaldo Jabor, "O Coiote", de Roberto Freire e "Uma Aprendizagem ou o Livro dos Prazeres", de Clarice Lispector. O ingresso custa R$ 20.

O espetáculo é ambientado nos anos 80, a decoração, o figurino, as músicas e cores lembram essa época em que tudo parecia mais "louco" e livre. "Tudo remete aos anos 80, esse mundo cheio de cores, de maluquices e liberdades, e é nessa 'bagunça' que acontece o reencontro de um grande amor. E esse é o grande ponto onde todo mundo se conecta, todo mundo já viveu algum amor", detalha a diretora e atriz Ligia Prieto. Também haverá apresentações nos dias 13,14,15 e 19, 20, 21,22, sempre às 20 horas.

"Amor 1980" conta a história de dois personagens, Ele e Ela, um jovem casal recém-separado que, ao decorrer da história, acabam por perceber que a verdade do amor está em vivê-lo em toda sua essência, entre loucuras e destemperanças. A peça retrata o casal se reencontrando após esse período separado e, nesse reencontro, eles 'lavam a roupa suja', jogam as coisas na cara um do outro, revelam segredos, se divertem e se amam muito. 

"Quando eles se reencontram há uma explosão de acusações, mas todas são muito pertinentes. É o relacional da relação acontecendo. Inclusive, nessa montagem, dividimos o personagem Ele em três:  o romântico, o questionador e o prático. Enquanto Ela é uma, única, completa de todas as suas nuances", conta o diretor e dramaturgo Fernando Lopes Lima, que também assina o cenário e faz parte do elenco.  

Além de Ligia e Fernando, os atores Begèt De Lucena, Bruno Loiácono, Bruno Sarate, Kelly Figueiredo e Samuel Alejandro compõem o elenco deste espetáculo que propõe o resgate de uma liberdade perdida nos dias atuais para falar de amor, se entender amante e se entender amado. Sempre é uma boa hora para se falar de amor.

Serviço

"Amor 1980" reestreia em 12 de setembro, no Grupo Casa, que fica na Travessa Nelson Tabelião Pereira Seba, número 8, na Chácara Cachoeira. Os ingressos custam R$ 20.


Voltar


Comente sobre essa publicação...