Semana On

Sexta-Feira 22.nov.2019

Ano VIII - Nº 372

Cultura e Entretenimento

Exposições Nacional e Estadual de Orquídeas prossegue neste fim de semana

Encontro reúne apaixonados pelo cultivo de orquídeas e pessoas interessadas em saber mais sobre esta prática

Postado em 08 de Agosto de 2019 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Até o domingo (11), o Armazém Cultural, abriga a 14ª Exposição Nacional de Orquídeas e 11ª Exposição Estadual de Orquídeas. O evento, que já faz parte do calendário anual das festividades do aniversário de Campo Grande, é realizado pela Associação Campograndense de Orquidofilia e Ambientalismo (ACOA).

O presidente da ACOA, Wenceslau Carlos de Oliveira explica que o encontro nacional e estadual reúne apaixonados pelo cultivo de orquídeas e pessoas interessadas em saber mais sobre esta prática, bem como troca de experiências entre quem já está no ramo. Como nas edições anteriores estarão à venda orquídeas, outras variedades de flores e ainda insumos para o cultivo. Haverá também cursos para iniciantes e um sobre semeadura in vitro – da polinização a climatização de Seedlings.

No ano passado o evento atraiu 60 expositores/colecionadores de vários estados como São Paulo, Rio de janeiro, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso e Paraná, além de comitiva de Santa Cruz de la Sierra/Bolívia. Foram mais de 900 plantas expostas. Para este ano a organização acredita que mais expositores, convidados e interessados em compras vão passar pelo Armazém Cultural.

Este ano a ACOA faz também ação social durante os dias de exposição. Quem puder contribuir com pacote de fraldas geriátricas, além de ajudar quem precisa, vai concorrer ao sorteio de orquídeas.

Cattleya Nobilior

Também no Armazém Cultural, até o domingo, a ACOA faz a 11ª Exposição Nacional da Cattleya Nobilior. A referida orquídea é originária dos estados do Maranhão, Tocantins, Goiás, sendo a maior concentração no Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. Há também na Bolívia e Paraguai.

Entre os exemplares estará a flor simbólica da Capital 'Cattleya Nobilior Campo Grande'. O título foi definido por meio de lei municipal (Lei nº 5.634/14) de autoria do vereador Eduardo Romero (Rede), que tem por objetivo promover a produção de flores, desenvolver a economia, o turismo e a preservação ao meio ambiente.

Serviço

Nesta sexta-feira (9) as visitações e compras podem ser feitas até às 22h, sendo que a abertura oficial do evento será às 19h. No sábado (10) as visitações são das 8h às 22h e no domingo (11) as visitações são das 8h às 17h.


Voltar


Comente sobre essa publicação...