Semana On

Sábado 24.ago.2019

Ano VII - Nº 360

Legislativo

Luta de João Rocha, ginásio da Associação Okinawa tem verba aprovada para conclusão de obras

Vereadores aprovaram autorização de operação de crédito da Prefeitura para financiar R$ 30 milhões que serão aplicados em diversas obras

Postado em 17 de Maio de 2019 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Bandeira de luta do vereador Prof. João Rocha, o término das obras do Ginásio Poliesportivo da Associação Okinawa está próximo de acontecer. Na sessão ordinária de quinta-feira (16), os vereadores da Câmara Municipal de Campo Grande aprovaram autorização de operação de crédito da Prefeitura para financiar R$ 30 milhões que serão aplicados em diversas obras.

Em regime de urgência, em única discussão e votação, os parlamentares aprovaram o Projeto de Lei 9.337/19, do Executivo, que autoriza a contratação de operação de crédito junto à Caixa Econômica Federal, no âmbito da linha de financiamento à infraestrutura e ao saneamento (Finisa) e dá outras providências. A proposta prevê R$ 30 milhões para execução de diferentes obras.  

No montante, está prevista, além da conclusão do ginásio da Associação Okinawa, o término de obras de Unidades Básicas de Saúde (bairros Jardim Perdizes e Santa Emília), conclusão de obras de Unidade de Ensino (Vila Paraty e Vila Natália), e construção, reforma e ampliação de importantes parques, praças e áreas de esporte do município (Parque Ayrton Senna, Jaques da Luz, Sóter, Mata do Jacinto, Elias Gadia, Vila Nasser, Horto Florestal, Estádio de Beisebol e Praça da Juventude). 

“Entendemos a importância do esporte como uma ferramenta de transformação social, de promoção da qualidade de vida das pessoas, a importância do esporte na promoção à saúde, para contribuição da paz. Também valorizamos a colônia japonesa, um dos pilares de sustentação da nossa cidade morena, que estão aqui trazendo cultura, valores e princípios, ensinando o campo-grandense a viver em sociedade”, disse o parlamentar.


Voltar


Comente sobre essa publicação...