Semana On

Segunda-Feira 11.nov.2019

Ano VIII - Nº 371

Mato Grosso do Sul

Com apoio do Estado, Hospital Auxiliadora inaugura Centro Avançado de Hemodiálise em Três Lagoas

Dentro de alguns meses, também deverá ser inaugurada a Clínica de Hemodiálise de Naviraí, que atenderá pacientes de pelo menos 12 municípios do Cone-Sul e Região do Vale do Ivinhema

Postado em 03 de Maio de 2019 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Três Lagoas inaugura nesta sexta (3) um Centro Avançado de Hemodiálise, que vai funcionar no Hospital Auxiliadora e atender outros nove municípios da região. A inauguração acontece como parte das comemorações alusivas aos 100 anos da instituição, que inaugura, também, uma nova maternidade, mais funcional e com melhor estrutura de atendimento.

O secretário de Estado de Saúde Geraldo Resende participa da inauguração representando o governador Reinaldo Azambuja na solenidade marcada para ter início às 10 horas. A conquista é fruto de uma parceria de trabalho entre o Hospital, Governo do Estado, parlamentares da bancada sul-mato-grossense no Congresso e da população que mensalmente doa e contribui para a instituição de saúde. Com dez novas máquinas de hemodiálise além das catorze antigas, o Centro Avançado disporá, de agora em diante, de 24 unidades e irá aumentar o número de pacientes, dos atuais 89 para 120, em três turnos. Assim, pacientes que até então tinham que realizar hemodiálise fora de Três Lagoas poderão fazer suas sessões de hemodiálise no município.

Parte da aquisição das novas máquinas foi possível com os recursos pagos pelo Governo do Estado ao Fundo Municipal de Saúde como contrapartida de emendas individuais do secretário de Saúde Geraldo Resende, quando ainda exercia o mandato de deputado federal, no valor de R$ 500 mil. Para abrigar o Centro Avançado em Hemodiálise, o Hospital construiu uma nova área de 250 metros quadrados que recebeu os equipamentos. A edificação foi custeada por uma emenda do então senador Waldemir Moka, do ano de 2014, no valor de R$ 500 mil. O antigo setor de hemodiálise está sendo transformado em Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde também viabilizou recurso, através do Termo de Fomento, no valor de R$ 269 mil para o Sistema de Osmose Reversa Fixa e Portátil. Esse Sistema de Osmose é utilizado para realizar a purificação da água, eliminando até 99,98% dos sais minerais, metais pesados e microrganismos que possam estar presentes na água, sem a utilização de produtos químicos.

Região

A ampliação do serviço de hemodiálise em Três Lagoas conta com apoio do Governo do Estado, que trabalha pela ampliação da oferta em todas as regiões, com o objetivo de evitar superlotações e a necessidade de deslocamento de pacientes para regiões distantes e até fora do Estado. Dentro de alguns meses, também deverá ser inaugurada a Clínica de Hemodiálise de Naviraí, que está sendo construída em área anexa ao Hemocentro e vai atender pacientes de pelo menos 12 municípios do Cone-Sul e Região do Vale do Ivinhema. Esta unidade está sendo construída com recursos da ordem de R$ 776 mil, dos quais R$ 620 mil fazem parte da contrapartida da gestão estadual às emendas federais viabilizados por Geraldo Resende ainda na condição de deputado federal, e R$ 156 mil oriundos dos cofres municipais de Naviraí.


Voltar


Comente sobre essa publicação...