Semana On

Terça-Feira 12.nov.2019

Ano VIII - Nº 371

Legislativo

Prof. João Rocha defende ações para aumentar participação da mulher na política

Para o presidente da Câmara, novas ações devem ser realizadas para este objetivo

Postado em 19 de Março de 2019 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, vereador Prof. João Rocha, defendeu a continuidade de ações que valorizem e estimulem a participação das mulheres na vida política do país. Durante audiência pública, no último dia 18, o parlamentar afirmou que o evento, realizado na sede da Casa de Leis, deve ser ‘a ponta de um iceberg’ e que novas ações devem ser desenvolvidas.

“Que essa audiência seja ponta a de um iceberg, pois continuaremos a nos mobilizar. Daqui, tiramos várias ações que serão implementadas com apoio da Câmara. As mulheres aqui presentes tiveram coragem de se apresentar, colocar seu nome à disposição, participando da política efetivamente, disputando eleições, ocupando cargos de gestão pública. Nos colocamos como pessoas públicas, expostos a todo tipo de avaliação, algumas delas justas e verdadeiras, e muitas injustas. A mulher é esteio, da sustentação, dá rumo”, afirmou Rocha.

Durante a audiência, mulheres de Mato Grosso do Sul representantes no Congresso Federal e em cargos de destaque do Executivo ocuparam a Tribuna para defender políticas de enfrentamento, de paridade para essas disputas e reserva de assentos no Parlamento. Ainda, houve reação e mobilização contra proposta apresentada na Câmara dos Deputados que revoga a cota mínima de 30% para as mulheres nas eleições.

“Mulher é o pescoço que dá sustentação a cabeça. A minha está meio bamba, pois perdi meu pescoço há um ano. Tive oportunidade de conviver 45 anos com a Rose, que atuava na política sem colocar seu nome na disputa. Ela era extremamente política. Com certeza está aplaudindo essa ação de hoje”, disse Rocha, lembrando de sua esposa Rose Rocha, que faleceu em maio do último ano.

“É um passo, não vamos desistir. Dando o primeiro passo começa a caminhada. Vamos lotar esse plenário e encher de mulheres para efetivamente disputar as eleições municipais que se avizinham”, finalizou o vereador.


Voltar


Comente sobre essa publicação...