Semana On

Terça-Feira 19.nov.2019

Ano VIII - Nº 372

Legislativo

Presidente da Assembleia participou de audiência pública na Câmara sobre aumentos na conta de luz

Paulo Corrêa solicitou esclarecimentos técnicos por parte da Energisa sobre os aumentos nos valores das contas de luz no Estado. AL realiza audiência sobre o tema no dia 12 de março

Postado em 21 de Fevereiro de 2019 - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, deputado Paulo Corrêa (PSDB), participou de uma audiência pública na Câmara Municipal de Campo Grande na última quarta-feira (20), oportunidade em que enfatizou a necessidade de esclarecimentos técnicos por parte da Energisa sobre os aumentos nos valores das contas de luz no Estado.

Corrêa parabenizou a Câmara pela iniciativa, destacando a importância da união entre os Poderes para resolver o problema que hoje atinge grande parte da população do Estado.

“Estamos discutindo esse assunto abertamente. Há uma mobilização dos vereadores de Campo Grande e de todos os municípios de Mato Grosso do Sul. Não podemos ficar calados e vamos fazer também reuniões técnicas, possibilitando rever alguma coisa e avaliar se de repente há um problema maior do que o calor. O foco é a defesa do consumidor do Mato Grosso do Sul e temos que discutir em conjunto”, disse o presidente.

Nova audiência

O deputado também convidou os ouvintes para comparecerem à Assembleia no próximo dia 12 de março, quando uma nova audiência pública será realizada para tratar o assunto. Já no dia 14 do mesmo mês, acontece uma reunião com o presidente da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), André Pepitone, na Escola da Construção do Senai.

“Essa reunião será técnica. Queremos saber o que é possível ser feito. Por isso, solicitei a vinda do presidente da Aneel. Temos dois lados, o calor e utilização maior de energia, mas temos que medir exatamente o que aconteceu. Uma conta é composta por 136 itens e temos que analisar para saber se houve abuso ou não”, explicou.

Além do presidente, estiveram representando o Legislativo Estadual os deputados Capitão Contar (PSL), Felipe Orro (PSDB), Jamilson Name (PDT), Marçal Filho (PSDB) e João Henrique (PR).


Voltar


Comente sobre essa publicação...