Semana On

Terça-Feira 18.dez.2018

Ano VII - Nº 332

Super Banner na capa e em toda a revista

Saúde

49% dos homens nunca fizeram exame preventivo do câncer de próstata

Pesquisa feita com população masculina acima dos 45 anos aponta desconhecimento e, ainda, preconceito com o exame de toque de retal

Postado em 29 de Novembro de 2018   - Redação Semana On

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Uma pesquisa da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG) apontou que 49% dos brasileiros com mais de 45 anos nunca fizeram o exame de toque retal que pode detectar o câncer de próstata. A doença é hoje a segunda maior causa de morte em pessoas do sexo masculino, depois do câncer de pulmão, e deve, de acordo com estimativas do Instituto Nacional do Câncer (Inca), registrar ainda neste ano mais de 68 mil novos casos.

Segundo o estudo, realizado com 2.400 homens, na maioria dos casos as pessoas justificaram que o médico nunca havia pedido o exame, que achavam pouco "másculo" e não gostavam ou que não tinham sintomas ou idade para realizar. Para o médico Pedro Jans, a resistência ao exame mostra preconceito e medo, e impede um tratamento eficaz.

"É só um exame comum que a gente deve fazer e com certeza a prevenção vai acarretar em um diagnóstico muito antes e com um tratamento bem melhor para o paciente. Às vezes é só acompanhamento, nem precisa de um tratamento tão agressivo", explica Jans.

Em meio às campanhas do Novembro Azul, para conscientizar os homens sobre doenças que possam afetá-los, o Inca promoveu nesta terça-feira (27), no Rio de Janeiro (RJ), a ação "Educar para prevenir" para mostrar, com apoio em materiais informativos para a população em geral, que o diagnóstico precoce pode combater diversas doenças. O evento marcou também o Dia Nacional do Combate ao Câncer.


Voltar


Comente sobre essa publicação...